Tribunal de Justiça de São Paulo confirma inocência de Haddad e arquiva processo de caixa 2

Via Brasil 247 em 21/7/2020

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ/SP) manteve por unanimidade, na segunda-feira [20/7], a sentença de primeira instância que absolveu o ex-prefeito da capital paulista Fernando Haddad (PT) da acusação de improbidade administrativa. A informação é do blog do Fausto Macedo. O Ministério Público (MP/SP) moveu a ação com base na delação premiada de Ricardo Pessoa, ex-dirigente da empresa UTC Engenharia e delator na Operação Lava-Jato. Segundo ele, a companhia teria pagado, a pedido do ex-tesoureiro do partido João Vaccari Neto, dívidas da campanha do ex-prefeito datadas de 2012 com uma gráfica em troca de futuros benefícios.

Vale ressaltar que o juiz Thiago Baldani Gomes De Filippo, da 8ª Vara de Fazenda de São Paulo, já havia rejeitado a ação, em dezembro do ano passado. De acordo com o magistrado, à época, Haddad não era prefeito e não houve demonstração de benefícios obtidos pela UTC na gestão do petista.

O juiz também apontou impossibilidade de utilização da colaboração premiada do ex-dirigente da empresa UTC Engenharia, que não havia sido autorizada pela 13ª Vara Federal de Curitiba, no âmbito da Lava-Jato, e de adesão do MP/SP ao acordo celebrado com Ministério Público Federal.

REDES SOCIAIS

Uma resposta to “Tribunal de Justiça de São Paulo confirma inocência de Haddad e arquiva processo de caixa 2”

  1. Magda ferreira santos Says:

    BEM QUE O COISO DISSE QUE A VERDADE PREVALECERÁ!!

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: