Após superar a pandemia, Cuba reabre suas portas ao turismo internacional

Via Pátria Latina em 1º/7/2020

Cuba reabriu na quarta-feira [1º/7] suas portas ao turismo internacional aproveitando o controle da covid-19, quando a cada dia diminuem mais os infectados e aumentam os sistemas de proteção sanitária.

A única província de toda a nação, entre as 15 e o município especial Ilha da Juventude, que ainda se mantém sem passar à fase 1 de redução do isolamento social é Havana, a capital do país, devido a seus casos ativos da doença.

Por sua vez, desde 18 de junho, o turismo nacional realiza reservas principalmente nas bases do Campismo Popular no interior, sempre excluindo Havana.

As agências de viagens e operadoras de turismo ainda precisam de relatórios concretos sobre os primeiros voos à Ilha para os estrangeiros, mas se em seu momento disseram receber várias manifestações de interessados deste tipo do mundo todo.

Oportunamente, o ministro de turismo cubano, Juan Carlos García, informou que a indústria de lazer na Ilha abre a partir de hoje para os estrangeiros.

García explicou as três etapas da reabertura paulatina do turismo, e que desde 18 de junho, os agentes de viagens e operadoras de turismo já podem vender viagens a estrangeiros para 1 de julho.

Disse que no caso dos estrangeiros, poderão visitar este arquipélago só nos ilhéus como Largo (sul-ocidente), Coco, Guillermo, Cruz, e Santa María (centro-norte), sem poder se deslocar pelo resto do país, mas haverá excursões, aluguel de carros e outros serviços nesses lugares.

O Ministério de Turismo (Mintur) também oferecerá pacotes de viagem para se recuperar da mesma pandemia e aproveitar a experiência médica cubana (precisamente para esses isolados ilhéus).

Explicou que nas três fases se aplicarão protocolos de proteção que respondem às indicações da Organização Mundial de Saúde (OMS), da Organização Mundial do Turismo (OIT) e do Ministério de Saúde Pública (Minsap) de Cuba.

Entre esses protocolos, estão o controle de temperatura, as limpezas constantes dos lugares, superfícies, alojamentos e restaurantes entre outros espaços, medidas implementadas desde os aeroportos.

Também afirmou que cada instalação hoteleira tem à sua disposição equipes de médicos e epidemiologistas que controlarão a situação, e em caso de se apresentar algum problema, tanto em turistas como trabalhadores, estão previstos testes, deslocamentos e hospitalizações oportunas.

Os turistas estrangeiros em sua totalidade serão submetidos a testes em tempo real PCR para identificar possíveis contágios da covid-19.

O eficiente controle sanitário do país facilitou esta medida, explicaram as autoridades. As cadeias cubanas de hotel como Cubanacán e Gran Caribe, e Islazul, já informaram quais os hotéis que iniciam operações na primeira fase, e algumas estrangeiras como a espanhola Meliá.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: