Se sua mulher for presa, Queiroz fala tudo sobre o clã Bolsonaro.

Charge de Diogo Oliveira.

“NÃO PODEM PRENDER MINHA MULHER NEM MINHA FILHA”, DIZIA QUEIROZ À FAMÍLIA BOLSONARO
Ex-assessor dava a entender que suportaria prisão calado, mas não no caso de sua família virar alvo.
Mônica Bergamo em 18/6/2020

Na época em que estourou o escândalo das rachadinhas, em 2018, Fabrício Queiroz, ex-assessor de Flávio Bolsonaro preso na quinta [18/6] por envolvimento no escândalo, repetia sempre: “Podem me prender, mas não podem prender minha mulher nem milha filha”.

A tradução feita na época pelo núcleo da campanha era a de que o ex-assessor poderia suportar a prisão calado –mas o mesmo não aconteceria se sua família virasse alvo.

A mulher dele, Marcia Oliveira de Aguiar, que trabalhou no gabinete de Flavio Bolsonaro, e a filha, Nathalia Melo de Queiroz, que trabalhou com Jair Bolsonaro, também eram investigadas.

E o que o ex-assessor mais temia aconteceu: a Justiça do Rio de Janeiro autorizou, nesta quinta, a prisão de Marcia.

Em 2018, quando tinha desaparecido do cenário, Queiroz seguia se comunicando com a família.

De acordo com relato feito pelo empresário Paulo Marinho, que participou da campanha, à Folha, um grupo de advogados, que representava no momento Jair Bolsonaro, Flavio Bolsonaro e Fabrício Queiroz, se reuniu para discutir estratégias de defesa.

Um advogado ligado à família manteria contatos constantes, na época, com o próprio Queiroz.

O recado era passado por meio de advogados para o coordenador da campanha, Gustavo Bebianno, de acordo com relatos feitos à coluna.

***

Se Márcia for presa, Queiroz abre o bico.

O TEMOR DOS BOLSONARO COM A PRISÃO DA MULHER DE QUEIROZ
Lauro Jardim em 18/6/2020

Para quem conhece de perto como funciona o sistema de lealdade de Fabrício Queiroz com a família Bolsonaro, o mandado de prisão contra Marcia Aguiar é o que mais preocupa Jair e Flavio Bolsonaro. Mais até do que a prisão do próprio Queiroz.

Márcia é mulher de Queiroz e está foragida após ter a prisão autorizada por determinação do juiz Flávio Itabaiana Nicolau, da 27ª Vara Criminal do TJ do Rio.

Fabrício Queiroz sempre deixou claro para a família do presidente que poderia assumir toda e qualquer acusação que lhe fosse imputada por eventuais investigações do Ministério Público desde que sua mulher, Márcia, e sua filha Nathália (ex-funcionária do gabinete de Jair Bolsonaro na Câmara) não sofressem qualquer consequência nos processos das rachadinhas.

Ou seja, se nada acontecesse com elas, ele nunca contaria nada que desabonasse a família Bolsonaro.

REDES SOCIAIS
Queiroz pagava até mensalidades escolares das filhas de Flávio Bolsonaro
Flávio Bolsonaro movimentou R$2,2 milhões em imóveis e loja de chocolate
O chefe de Queiroz era Jair
Silêncio de Bolsonaro: Irritado, o falastrão não conversa com sua claque no cercadinho
Em setembro de 2019, dono da casa onde Queiroz foi preso disse não saber onde ele estava
No mês passado, Flávio Bolsonaro defendeu Queiroz em live: “Correto e trabalhador”.
Coincidência ou retaliação?: A PF ficou “eficiente” pós-Moro
Há um ano, Bolsonaro sabia que Queiroz estava escondido na casa de seu advogado
Para evitar vazamento, policiais não sabiam que a prisão seria de Queiroz, amigo do clã Bolsonaro

REDES SOCIAIS

Uma resposta to “Se sua mulher for presa, Queiroz fala tudo sobre o clã Bolsonaro.”

  1. Magda ferreira santos Says:

    É BOM IR ESTREBUCHANDO LOGO POIS QUANDO ELAS FOREM PRESAS VOCÊ PODERÁ TER SIDO OU SER APAGADO, SE É QUE ME ENTENDE!!

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: