General da Saúde descobre arma antivírus: A reza

Foto: José Dias/PR.

Via UOL em 22/5/2020

Improvisado por Jair Bolsonaro como ministro interino da Saúde, o general Eduardo Pazuello reconheceu que a crise do coronavírus entrou em nova fase com o avanço do contágio em direção ao interior. Pelas contas oficiais, o vírus já está presente em 62% do total de municípios do país. Essas cidades abrigam 91,75% da população. Isso equivale a 192,8 milhões de brasileiros.

Segundo Pazuello, os estados das regiões Sudeste, Sul e Centro-Oeste precisam se equipar de olho no que vem acontecendo No Norte e no Nordeste. O alerta do general embute duas constatações. Numa, ele reconhece que o vírus já prevaleceu sobre o poder público em duas regiões. Noutra, ele admite que o caos hospitalar pode chegar a outras três regiões.

O general sugere duas providências. Uma técnica e outra mística. “É a hora de acumular meios, estruturar UTIs, habilitar leitos, adquirir insumos e equipamentos, e se preparar para o combate”, disse Pazuello, chovendo no molhado.

O complemento místico indica que o ministro interino não leva muita fé no seu receituário técnico. “Rezamos para que o impacto seja menor, mas virá algum grau de impacto.”

Deus não poderia ter encomendado a Bolsonaro um ministro mais apropriado para a pasta da Saúde do que Pazuello. Quando o general recomenda reza aos brasileiros submetidos a um inferno pandêmico, até os ateus vão acabar acreditando em Deus. Está difícil acreditar em qualquer outra coisa.

REDES SOCIAIS

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: