Porta-voz chama fuzilamento de músico de “incidente” e diz que Bolsonaro não manifestou pesar

Rêgo Barros e Bolsonaro, no detalhe, o músico Evaldo Rosa, morto pelo Exército.

Sobre o fato de que Bolsonaro utilizar com frequência as redes sociais para comentar assuntos diversos relacionados à crimes e ao porte de armas, mas não ter mencionado o episódio em questão, o Rêgo Barros desconversou.

Via Revista Fórum em 10/4/2019

Porta-voz da Presidência, Otávio do Rêgo Barros, classificou como “incidente” o fuzilamento do carro de uma família no Rio de Janeiro, alvejado por mais de 80 tiros por militares do Exército no último domingo [9/4/]. Segundo ele, Jair Bolsonaro (PSL), que ainda não se declarou publicamente sobre o crime, não fez nenhuma manifestação de pesar sobre a morte do músico Evaldo Rosa dos Santos, que foi morto na ação. “Não, não fez”, respondeu quando indagado sobre o assunto, segundo informações de Julia Lindner e Tânia Monteiro, no jornal O Estado de S.Paulo.

“A questão referente ao incidente com a morte do cidadão, eu repito: o Comando Militar do Leste e o Exército Brasileiro estão apurando os eventos em um inquérito policial militar, que está sendo acompanhado pela Justiça Militar e Ministério Público”, disse Rêgo Barros.

O porta-voz disse, ainda, que o Palácio do Planalto “confia no desempenho e nas ações da Justiça Militar e do Ministério Público Militar e mais ainda nas ações do destacadas pelo Exército na condução do inquérito para elucidação total do fato”.

Sobre o fato de que Bolsonaro utilizar com frequência as redes sociais para comentar assuntos diversos relacionados à crimes e ao porte de armas, mas não ter mencionado o episódio em questão, o porta-voz desconversou.

***

WITZEL DIZ QUE NÃO LHE CABE TECER QUALQUER CRÍTICA SOBRE AÇÃO DE MILITARES NO CASO DOS 80 TIROS
Via Revista Fórum em 9/4/2019

O governador do estado do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, disse na noite da segunda-feira [8/4/] que não cabe a ele fazer juízo de valor sobre a ação de militares em Guadalupe, onde foram disparados 80 tiros contra um carro onde estava a família do músico Evaldo Rosa dos Santos, que acabou sendo morto.

“Não sou juiz da causa. Não estava no local. Não era a Polícia Militar. Quem tem que avaliar todos esses fatos é a administração militar. Não me cabe fazer juízo de valor e nem muito menos tecer qualquer crítica a respeito dos fatos. É preciso que a auditoria militar e a Justiça Militar e o Exército faça as devidas investigações. E eu confio nas instituições”, afirmou.

Witzel, que também é juiz, disse ainda que não interfere nas investigações nem da Polícia Civil e nem do Exército.

“O exército entendeu que a competência de apuração dos fatos é dele. Se a Justiça Militar entender que não, vai declinar a competência. O tema e todos os fatos estão afetos à jurisdição militar. Não me cabe interferir, me posicionar e nem fazer juízo de valor. A única coisa que queremos é que os fatos sejam esclarecidos. Temos instituições capazes de dar resposta à sociedade.”

O governador disse lamentar a morte do músico. Em seu discurso durante a posse do novo presidente do Tribunal Regional Federal da 2ª Região, Reis Friede, no Theatro Municipal, Witzel não falou sobre o caso. Apenas lembrou a atuação das forças armadas na intervenção e agradecendo aos militares:

“Dizer da importância que tem as Forças Armadas nosso país. A preservação da democracia certamente passa pela importância que damos aos nossos soldados”, disse ele no discurso.

Leia também: 80 tiros: Moro chama de “incidente” fuzilamento de músico pelo Exército no Rio

REDES SOCIAIS

Uma resposta to “Porta-voz chama fuzilamento de músico de “incidente” e diz que Bolsonaro não manifestou pesar”

  1. Magda ferreira santos Says:

    NÃO MANIFESTOU PESAR NEM VAI MANIFESTAR POIS INCENTIVA AS ARMAS E O CRIME, MILICIANO DE MERDA!!

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: