“O que eu tenho feito de errado?”, pergunta Bolsonaro em TV

Em entrevista à Bandeirantes, presidente afirmou não ver problema por parte de seu governo na relação com o Congresso Nacional.

Lido no Blog do Magno em 28/3/2019

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) não vê nenhum problema por parte de seu governo na relação com o Congresso Nacional pela aprovação da reforma da Previdência. “O que eu tenho feito de errado? Onde tem um ataque meu ao Congresso ou ao Rodrigo Maia?”.

Bolsonaro respondia a uma pergunta do apresentador José Luiz Datena sobre a dificuldade de se aprovar a reforma da Previdência em um ambiente de animosidade com o Congresso.

Mencionando uma desidratação da base de apoio à proposta, Datena perguntou: “Como aprovar uma reforma se o senhor se isola?”

Na sequência de sua resposta, Bolsonaro sugere que há, por parte dos deputados, gestões para emplacar indicações na esplanada dos ministérios e que são contrariadas. “Existe essa vontade de integrar o governo. Nós somos independentes. Os ministros não podem atender todo mundo, mas atende os parlamentares que os procuram.”

“O que o pessoal reclama é o seguinte: mais aproximação. Eu tenho falado ‘que aproximação é essa?’ Eu não posso atender a quantidade de pessoas, de parlamentares – isso sem contar prefeitos e governadores. O cara vai a Brasília, ele quer tirar uma foto, fazer um pedido, o que é muito natural. Mas nós estamos quebrados”, afirmou, cobrando a aprovação da reforma.

***

BOLSONARO NEGA DITADURA E FALA EM “PROBLEMINHAS”
Via Brasil 247 em 27/3/2019

O presidente Jair Bolsonaro voltou a negar que tenha havido ditadura e golpe militar no Brasil, e referiu-se ao período a um regime com “probleminhas”. Ele também fez uma comparação com casamentos – como é de seu costume – ao falar do assunto.

“Temos de conhecer a verdade. Não quer dizer que foi uma maravilha, não foi uma maravilha regime nenhum. Qual casamento é uma maravilha? De vez em quando tem um probleminha, é coisa rara um casal não ter um problema, tá certo?”, disse, em entrevista ao jornalista José Datena, na Band.

Bolsonaro também voltou a falar sobre seu embate com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia. Para ele, Maia levou a questão para o lado pessoal por conta da prisão do ex-ministro Moreira Franco, seu sogro. “Ele está um pouco abalado com questões pessoais que vem acontecendo na vida dele, coisas pessoais que passa pelo estado emocional dele momento”.

O presidente voltou a falar que não tem como receber todos os congressistas e negou que tenha atacado Maia, no entanto. “Nós vamos nos encontrar. Da minha parte, a minha mão está sempre estendida. Todo mundo tem responsabilidade com o Brasil. Estão fazendo uma tempestade em copo d’água”, completou.

***

Bolsonaro na entrevista ao Datena:
“Quanto à Educação, temos que resolver a questão da educação. […] Realmente não tá dando certo as pessoas lá”.

REDES SOCIAIS

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: