Investigador vai analisar elo do clã Bolsonaro com milicianos “no momento oportuno”

O jornal The Guardian procurou Bolsonaro para comentar o elo com os milicianos, mas assessoria de imprensa do presidente recusou resposta.

Cíntia Alves, via Jornal GGN em 12/3/2019

O investigador Giniton Lages, que apura a chacina que vitimou a ex-vereadora Marielle Franco e seu motorista, Anderson Gomes, disse na terça [12/3] que um dos filhos de Jair Bolsonaro namorou com uma filha do suposto miliciano Ronnie Lessa.

Os nomes do antigo casal não foram revelados. O que se sabe é que Ronnie mora no mesmo condomínio em que vivem, no Rio de Janeiro, o presidente Jair e seu filho, Carlos Bolsonaro.

O investigador disse, contudo, que vai lidar com essa relação entre as famílias “no momento oportuno.” O namoro não seria “importante agora”, disse Lages, referindo-se à atual fase da investigação. Ele também projetou para uma segunda etapa dos trabalhos a revelação do mandante do crime.

Na terça [12/3], foram presos dois milicianos acusados de terem executado Marielle e Gomes.

Além de Lessa, Élcio Queiroz, PM expulso da corporação, também foi associado a Bolsonaro: ele divulgou uma foto ao lado do hoje presidente na época da disputa eleitoral. A foto, contudo, seria de meados de 2011.

O jornal The Guardian procurou Bolsonaro para comentar o elo com os milicianos, mas assessoria de imprensa do presidente recusou resposta.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: