O estratégico silêncio de Bolsonaro e Queiroz

Marcelo Auler em 16/1/2019

Ao expor, após assumir seu segundo mandato como procurador-geral de Justiça do Rio de Janeiro, que o Ministério Público do Rio (MP/RJ) independe de depoimentos dos envolvidos para investigar as estranhas movimentações apontadas pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) na conta de Fabrício José Carlos de Queiroz, ex-assessor do deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSL/RJ), Eduardo Gussem acabou apresentando o real motivo do silêncio de todos os envolvidos em tais movimentações financeiras suspeitas.

O oficial reformado da PM/RJ Queiroz, suas filhas Nathalia e Evelyn Melo de Queiroz, sua atual esposa, Márcia Oliveira Aguiar, assim como o deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSL/RJ), com alegações variadas e pouco críveis não compareceram ao MP/RJ quando chamados a depor para esclarecimento. Na verdade, querem, como é direito deles, evitar contradições.

Se silenciam é por não terem explicações razoáveis. Caso as tivessem, como o próprio Gussem explicou, seriam os primeiros e os maiores interessados em apresentá-las. Ao levarem suas justificativas, ou mesmo a chamada tese de defesa, ao conhecimento dos promotores permitiram que elas fossem checadas e as dúvidas por final existentes afastadas. Desde que verdadeiras. Ao que parece, porém, é que não as tem.

Queiroz, seus familiares e o senador eleito Bolsonaro sabem que, depondo ou não, as investigações avançam sobre as suspeitas movimentações que totalizaram mais de R$1,2 milhão, no período de um ano. Mas desconhecem o que o MP/RJ já tem em mãos. Com isso, qualquer história mal contada poderia ser derrubada no próprio depoimento, com a apresentação de dados já levantados e ainda não revelados.

Clique aqui para continuar a ler o texto.

***

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: