Novo recuo à vista: Bolsonaro prepara indulto humanitário para presos

Via Jornal GGN em 10/1/2019

Um novo recuo do governo Bolsonaro está à vista. Dessa vez, é em relação ao decreto de indulto. Há algumas semanas, o presidente disparou: “Já que o indulto é um decreto presidencial, a minha caneta continuará com a mesma quantidade de tinta até o final do mandato em 2022. Sem indulto.” Mas, segundo a Folha de quinta [10/1], a equipe do ministro da Justiça Sérgio Moro, contrariando a fala de Bolsonaro, está discutindo um “indulto humanitário”.

A ideia é focar em presos com “doenças graves ou terminais”, por exemplo, por isso o título “humanitário”. “A medida, em discussão no Ministério da Justiça, pode ser editada até o fim do mês, e atingiria aqueles que até 25 de dezembro do ano passado estejam dentro das exigências que estão em elaboração.”

Presos por crime de corrupção não devem ser contemplados.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: