Anastasia acusa Pimentel por obra inacabada, mas omite que foi ele quem mandou pará-la

Via Brasil 247 em 11/9/2018

Candidato ao governo de Minas Gerais, o senador Antônio Anastasia (PSDB/MG) divulgou um vídeo onde afirma que, se eleito irá concluir diversas obras inacabadas durante a administração de Fernando Pimentel (PT). No vídeo, Anastasia utiliza como exemplo a paralisação da pavimentação de seis quilômetros da estrada LMG-841, no trecho que liga Mercês de Água Limpa a Nazareno. Anastasia, porém, omite que a obra foi paralisada por “ordem e determinação da administração” no final do seu mandato, quando se candidatou ao Senado.

Segundo um documento do Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Minas Gerais (DER/MG), assinado pelo então diretor de Infraestrutura Rodoviário Marcos Antônio Frade, antes da paralisação a construtora responsável deveria tomar providências necessárias à proteção do meio ambiente, manutenção das condições de tráfego e segurança. Sobre o trecho inacabado, porém, não foi emitida nenhuma orientação a não ser que ele fosse deixado de lado.

Apesar disso, Anastasia afirma no vídeo que “asfaltou quase tudo. Lamentavelmente veio o governo Pimentel e não asfaltou os seis quilômetros restantes”. A ordem de paralisação da obra da rodovia foi emitida em 28 de outubro de 2014, somente dois após a derrota do candidato do PSDB e padrinho político de Anastasia, o senador Aécio Neves, ter sido derrotado nas eleições presidenciais daquele ano.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: