Miriam Leitão e Fernando Gabeira, as torturados golpistas

Leandro Fortes em 8/9/2018

Miriam Leitão e Fernando Gabeira, ambos jornalistas torturados durante a ditadura militar, ouviram, calados, o general Mourão chamar o coronel Brilhante Ustra de “herói”.

Ustra, então major e chefe do DOI-Codi, em São Paulo, torturava mulheres enfiando-lhes ratos na vagina. No dia seguinte, levava AS PRÓPRIAS FILHAS para brincar com as torturadas, dentro das celas – uma tortura extra.

Essa besta fera, esse demente, é o herói de Mourão.

Miriam e Gabeira, ainda assim, ficaram calados.

Como puderam?

Uma resposta to “Miriam Leitão e Fernando Gabeira, as torturados golpistas”

  1. Aristóteles Barros da Silva Says:

    Simplesmente por serem “farinha do mesmo saco”. Tenho cá minhas dúvidas se esses dois estiveram, algum dia, lutando por algo que não seus empregos na Globo!

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: