Moro é apontado como culpado por liderança do PT nas pesquisas

Via Blog do Esmael em 25/8/2018

Na casa que falta pão, todos brigam e ninguém tem razão. O provérbio sintetiza o (des)ânimo do consórcio jurídico-midiático que deu o golpe em 2016 e mantém preso político Luiz Inácio Lula da Silva há 140 dias na Polícia Federal de Curitiba.

Os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), partícipes políticos da trama, atribuem ao juiz Sérgio Moro a dispara de Lula nas pesquisas mesmo estando preso. Segundo o Datafolha, o petista tem 39% das intenções de voto e pode vencer no 1º turno.

O ministro Gilmar Mendes é o mais explícito na crítica ao afirmar que a lava jato já tinha ganho o Oscar de efeitos especiais, deste e do próximo ano.

A velha mídia também lambe as feridas abertas pelo golpe que derrubou a presidenta eleita Dilma Rousseff, igualmente líder nas pesquisas para o Senado por Minas Gerais. Os barões da grande imprensa jogaram a toalha ao reconhecer vitória de Lula ou de seu substituto (Fernando Haddad, o “Andrade” para os nordestinos).

2 Respostas to “Moro é apontado como culpado por liderança do PT nas pesquisas”

  1. heloizahelenapiasblog Says:

    na precisaria mais tempo p descobrir as infiltrações políticas p todos os lados,arrumaram até testemunhas compradas p falar mal de lula FAZENDO Q ELE FOSSE O PIOR DE TODOS, , A jUSTIÇA dIVINA N TARDA, QUANDO CHEGA VEM A TODO VAPOR. ________________________________________

  2. Geraldo Lobo Says:

    Isso se chama ‘justiça poética’! Veja no Google se tem dúvida ou não sabe o que seja.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: