Após criticar os seguidores de Bolsonaro pai, Janaina diz que comparação com Ustra, feita por Bolsonaro filho, foi como “soco na cara”

Via DCM em 23/7/2018

Durante o lançamento da candidatura de Jair Bolsonaro à Presidência da República pelo PSL, a jurista Janaína Paschoal foi “homenageada” por Eduardo Bolsonaro, que a comparou ao ex-capitão do Exército Brilhante Ustra.

Vale lembrar que Ustra é considerado um dos maiores torturadores da época da ditadura militar.

Em entrevista ao Jornal da Manhã, Janaína Paschoal disse que não gostou da comparação, porém tentou contemporizar e entender o outro lado. “Entendi que ele estava tentando me homenagear. Estou acostumada com pessoas que pensam muito diferente de mim e procurei ver a intenção em si. Tento trocar os personagens”, explicou.

“Se estivesse num ambiente esquerdista e alguém me comparasse a Lenin, também ficaria chateada. Meu sentimento ali foi de um soco na cara, mas tento analisar o intuito de quem fala”, completou.

De acordo com a jurista, uma das relatoras do processo de impeachment de Dilma Rousseff, é preciso que esquerda e direita consigam se sublimar em relação ao tema. “Houve uma lei de anistia e crime dos dois lados. O STF se debruçou sobre essa lei e chegou o momento de esquerda e direita avançarem”, disse.

[…]

“Não sou uma ditadora nem dentro da minha casa. Preciso saber se vou ter espaço para representar essas pessoas que não votariam nele, mas votarão por minha causa”, destacou a advogada.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: