Paulo Teixeira: Boulos é perseguido porque revelou a farsa do tríplex

Via Brasil 247 em 7/6/2018

O deputado federal Paulo Teixeira (PT/SP) manifestou solidariedade pelo Twitter ao pré-candidato à presidência da República Guilherme Boulos (PSOL), que prestou depoimento à Polícia Federal na quinta-feira, dia 7/6, sobre a ocupação do tríplex me Guarujá (SP) feita, no dia 16 de abril, por membros da Frente Povo Sem Medo e do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), este último coordenado nacionalmente pelo pessolista.

Durante a ocupação, uma faixa dizia: “Se é do Lula é nosso”. Outra afirmava: “Se não é, por que prendeu?”

Segundo Boulos, a ocupação “era conhecimento público e da própria delegada que eu não estive presente na ação embora considere a ação legítima e me orgulhe, porque é uma ação que ajudou a denunciar uma farsa judicial que levou o ex-presidente Lula injustamente à cadeia como preso político”.

“Não achamos que isso deve ser tratado num inquérito criminal. Isso deve ser tratado no ambiente político”, afirmou.

De acordo com o presidenciável, uma “ação política não deve ser tratada como caso de polícia”. “É isso que entendemos e foi isso que dissemos”.

Tríplex
O tríplex ocupado era atribuído ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pela Operação Lava-Jato. Em setembro de 2016, o Ministério Público Federal denunciou o “cacique” do PT, pois, de acordo com a acusação, o apartamento seria reformado para ele como uma espécie de propina da empreiteira OAS no valor de R$3,7 milhões.

Mas, ao apresentar a denúncia, o procurador Henrique Pozzobon, admitiu que não havia “prova cabal” de que o ex-presidente era o proprietário do imóvel. Outro detalhe é que, em janeiro deste ano (2018), a Justiça do Distrito Federal determinou a penhora dos bens da construtora, dentre eles o tríplex que a Lava-Jato dizia ser do ex-presidente.

Vale ressaltar, ainda, que, após a ocupação, foram divulgadas imagens na internet mostrando que o imóvel não passou por reformas.

***

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: