Joaquim Barbosa temia perder dinheiro e tranquilidade numa aventura eleitoral

Bernardo Mello Franco em 8/5/2018

Joaquim Barbosa usou 173 caracteres, incluindo pontos e espaços, para informar que não será candidato a presidente da República. O tuíte pôs fim a meses de conversas com políticos, empresários, marqueteiros, jornalistas e eleitores que o abordavam nas ruas.

O assédio cresceu nas últimas semanas. Com a desistência do apresentador Luciano Huck, o ex-ministro do Supremo se tornou o último outsider com chance de vencer a eleição em outubro.

A pesquisa mais recente do Datafolha indicou que essa possibilidade era real. Sem dar uma única declaração pública, Barbosa apareceu com até 10% das intenções de voto. A expectativa geral era de que ele decolaria ao se apresentar como candidato. O ex-ministro chegou a dar o primeiro passo em abril, ao aceitar o convite para se filiar ao PSB.

E por que Barbosa pulou fora? Porque nunca havia se convencido a entrar na disputa, como repetiu em dezenas de conversas informais. Ele media os custos pessoais de uma aventura eleitoral. Temia perder dinheiro e tranquilidade, não necessariamente nesta ordem.

Fora do Supremo há quase quatro anos, o ex-ministro montou escritórios de advocacia no Rio, em São Paulo e em Brasília. Além disso, passou a fazer palestras remuneradas para empresários e investidores. Como pré-candidato, teria que abrir mão dessas fontes de renda. Poderia viver com a aposentadoria do Supremo, mas teria dificuldade para manter a ajuda financeira à família.

Barbosa também temia o jogo pesado de uma campanha. Acostumado a elogios, ele sabia que seria bombardeado pelos adversários ao se lançar na disputa. Lembrava o exemplo de Marina Silva, alvo de marketing agressivo do PT em 2014.

O ex-ministro dizia que o custo não seria apenas pessoal. No julgamento do mensalão, ele se queixou de perseguição a parentes em seus locais de trabalho. Agora temia que o filme se repetisse durante a campanha presidencial.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: