Fernando Horta: Sérgio Moro e a síndrome de “O Poderoso Chefão”

Fernando Horta em 26/4/2018

Num dos momentos mais explicativos da política brasileira atual, o Padrinho Sérgio Moro foi até os EUA explicar o filme GodFather.

É preciso primeiro ressaltar a grandeza do ato. Não é sempre que, pago com dinheiro público, vestido de preto, com uma voz estranha e falando um inglês quase ininteligível o Padrinho se disponha a tanto para explicar-se.

O STF é que sim abusa da paciência do Padrinho.

Na decisão de hoje, quando avisou que vai manter consigo os processos de Lula, o Padrinho manda um recado claro ao STF, para que reveja suas posições e não se intrometa onde seu poder claramente não alcança. Foi outro ato de grandeza do Padrinho de Curitiba.

Notícias surgem que cada ministro do STF acordou hoje com um cavalo ensanguentado em sua cama…

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: