Dória se recusa a explicar decreto que o beneficia com segurança pessoal

Se a iniciativa privada é mais competente que o Estado, na opinião do prefeito, por que ele quer usar PMs e não segurança paga em sua escolta quando deixar a Prefeitura? Às vésperas de deixar cargo, tucano criou regra para beneficiar ex-prefeitos.

Via Portal UOL em 7/3/2018

O prefeito João Dória (PSDB) se recusou a explicar ontem [6/3] os motivos que o levaram a publicar um decreto que estendeu para ex-prefeitos os serviços de segurança pessoal prestados pela Polícia Militar ao chefe do Executivo da cidade de São Paulo.

Dória deve deixar a prefeitura no início de abril para concorrer ao cargo de governador do estado.

Segundo o decreto, ex-prefeitos terão direito ao serviço por um ano após sair do cargo – Dória será o primeiro beneficiado.

Ontem [6/3], em evento oficial da prefeitura na zona leste, Dória se negou a responder às cinco perguntas feitas pela reportagem sobre o decreto.

Uma resposta to “Dória se recusa a explicar decreto que o beneficia com segurança pessoal”

  1. Geraldo Lobo Says:

    Provavelmente esse seu decreto é inconstitucional, senão outros antes dele já o teriam decretado e assinado, ou então quem sabe pra manter sob os olhos de um xereta fardado qualquer os prefeitos passado do PT ou da oposição? Nada vem do nada!

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: