Ação da OAB atrasa lançamento de livro de Tacla Duran sobre delações

Via Jornal GGN em 19/10/2017

O advogado Rodrigo Tacla Duran prometeu lançar ainda em outubro um livro revelando os bastidores obscuros das delações premiadas da Lava-Jato em Curitiba. Mas, segundo a jornalista Mônica Bergamo, a divulgação da obra na internet foi adiada por causa da ação movida pela OAB contra Duran, sob a acusação de quebra de sigilo profissional.

“Duran, que no livro também dispara contra a Operação Lava-Jato, diz que seguiu a ética profissional e que foi obrigado, na verdade, a se defender de acusações feitas a ele pela Odebrecht. Com pedido de prisão no Brasil, feito pelo juiz Sérgio Moro, ele hoje vive na Espanha, país onde tem cidadania e que se negou a extraditá-lo”, afirma Bergamo.

O advogado ganhou os holofotes da mídia denunciando irregularidades nas delações da Odebrecht. Além disso, disparou contra um amigo pessoal de Sérgio Moro, o advogado Carlos Zucolotto. Segundo Duran, ele pediu propina para intermediar a negociação com os procuradores de Curitiba. Moro saiu em defesa do amigo, que já trabalhou com sua esposa. Rosangela Moro, por sua vez, já recebeu pagamento de Duran, no passado.

Em uma parceria com o Diário do Centro do Mundo, o GGN publicou uma reportagem especial resumindo o livro de Tacla Duran, com a ressalva de que se trata de uma visão parcial dele, em sua própria defesa. Leia aqui.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: