Alexandre de Moraes nega pedido da OAB por impeachment de Temer

Via Jornal GGN em 23/8/2017

Sorteado para apreciar o pedido da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) para obrigar Rodrigo Maia (DEM/RJ), presidente da Câmara, a analisar o pedido de impeachment do presidente Michel Temer, Alexandre de Moraes fez o esperado: negou.

O pedido de impeachment contra Temer foi protocolado na Câmara pela OAB, tendo como base as gravações entre ele e Joesley Batista, da JBS. Mas Rodrigo Maia ignorou até o momento o pedido, ignorando-o. Esta foi a base do pedido feito ao STF pelo presidente da OAB, Claudio Lamachia.

Quando Moraes foi sorteado no STF para apreciar o pedido, foi desalentador para as pretensões da OAB, dada a ligação íntima entre o ministro da Corte e o presidente. Moraes já foi ministro da Justiça de Temer e por ele foi indicado para assumir assento no Supremo.

A indicação e sabatina de Moraes foi muito criticada. Ele foi acusado de plágio de livros e também apresentou pós-doutorado, que nunca foi feito. Além disso, teve contestada a tão propalada carreira acadêmica.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: