Para desmentir Temer, ex-procurador diz que ganha R$110 mil mensais

No discurso que fez na terça-feira, dia 27/6, Temer chegou a insinuar que os supostos “milhões” recebidos por Miller da banca de advocacia contratada pela JBS “talvez não fossem unicamente para o assessor de confiança [de Janot]”.

Via Revista Fórum em 29/6/2017

A coluna de Mônica Bérgamo informa que o ex-procurador, Marcelo Miller, que foi braço direito de Rodrigo Janot na Operação Lava-Jato, revelou a interlocutores os valores de sua remuneração na advocacia particular para rebater a acusação de Michel Temer de que ganhou “milhões de honorários”. Ele disse que recebe salário de cerca de R$25 mil. Com bônus, os vencimentos chegariam a R$110 mil mensais.

“Neste ano, Miller migrou da equipe de Janot para um escritório de advocacia contratado pelo grupo JBS. Pouco depois, a empresa fechou acordo de delação premiada com o procurador-geral.

No discurso que fez na terça-feira, dia 27/6, Temer chegou a insinuar que os supostos “milhões” recebidos por Miller da banca de advocacia contratada pela JBS “talvez não fossem unicamente para o assessor de confiança [de Janot]”. Tanto o Ministério Público Federal quanto o próprio Miller já disseram que o ex-procurador não participou das negociações”.

* Com informações da coluna de Mônica Bergamo

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: