A Globo mete a mão no dinheiro público até pela Lei Rouanet

Paulo Nogueira, via DCM em 23/6/2017

Um ministro de Geisel uma vez disse o seguinte num despacho para seu chefe: “Os jornais não vivem e nem sobrevivem sem o governo”.

Isto, segundo ele, era uma arma poderosíssima que a administração Geisel devia usar em sua relação com a imprensa.

Roberto Marinho, disse ainda o ministro, era mestre em pedir “favores especiais” a Geisel por conta do apoio que dava à ditadura.

Tudo isso está no livro Dossiê Geisel, feito com base em documentos pessoais de Geisel doados à Fundação Getúlio Vargas.

Lembrei dessas coisas todas ao ver a lista dos maiores beneficiários da Lei Rouanet em 2015. Ali não estavam os artistas sempre acusados pelos analfabetos de mamar na Rouanet, como Chico e Zé de Abreu.

Mas a Globo estava, pela Fundação Roberto Marinho.

Abaixo, a lista de quem foi mais favorecido pela Rouanet:

Clique na imagem para ampliá-la.

Mais que uma empresa, a Globo é uma máquina de meter a mão no dinheiro dos contribuintes. Este é sem dúvida seu maior talento. Às fórmulas clássicas – publicidade oficial, financiamentos de bancos como BNDES, vendas de livros e assinaturas de jornais e revistas – a Globo acrescentou novidades, nos últimos anos, como a sonegação de impostos.

E até a Rouanet passou a ser utilizada para transferir recursos do pobre contribuinte brasileiro para os Marinhos.

Não foi dito que projetos da Fundação RM foram financiados pela Rouanet. Mas a pergunta é inevitável: a Globo precisa de mais esta mamata? A família mais rica do Brasil não pode abdicar da Rouanet para que sobre dinheiro para artistas que não tenham a fortuna dos Marinhos?

É sempre assim.

Na era FHC, uma gráfica nova – e ruinosa – da Globo foi bancada pelos contribuintes, pelo BNDES. Não foi um empréstimo: foi uma cusparada na sociedade, autorizada por FHC. Imagine se o Banco da Inglaterra enchesse de dinheiro Murdoch de libras para uma nova gráfica? Thatcher sairia do túmulo.

A inépcia gerencial da Globo – mesmo com tantos privilégios esteve várias vezes insolvente – se explica na voracidade com que se atira a recursos públicos. Você não pode ser bom em tudo. E se você desenvolve excelência em mamar dinheiro público provavelmente não terá tempo para se aprimorar em outras coisas.

E então você vai atrás de cada real público que esteja a seu alcance. Por exemplo, os reais da Rouanet.

Uma resposta to “A Globo mete a mão no dinheiro público até pela Lei Rouanet”

  1. COPACABANA EM FOCO Says:

    Detalhe: O Grupo Globo promove e usa diversas empresas de eventos e de entretenimentos culturais como as duas empresas que estão na lista, a SR Promoções e a D+ Artísticas e outras mais e muito mais, como laranjas. Ela requisita as tais empresas para os seus interesses em promover artistas, músicos, programas de televisão, filmes e eventos de rua e de praia. Fora que há também eventos populares, cito as várias micaretas na época de carnaval, dentre elas, a Sebastiana. Eventos desportivos como a da FIFA e Olimpíada quando ganhou de mão beijada, o Museu a Manhã, do Futuro e etc. e tal. Têm também algumas ONG´s de comunidade, Criança Esperança e etc. e tal. O bairro de Copacabana foi a que mais recebeu eventos de artistas promovida pela Globo Rio, tanto nacional e internacional, que além de sangrar o erário público, entravam empresas privadas de bebidas e de celulares, só eu sei. Destruíram o bairro e que nunca houve contrapartida em restaurar e cuidar do bairro. Sempre foi “venha a nós, mais o vosso reino nada”. Nunca em governo nenhum, a Globo ganhou tanto dinheiro nas três esferas governamentais nos últimos anos. Quando viu que a mamata ia acabar com Lula e Dilma, se virou contra para apoiar o Golpe, sabendo que com o outro governo continuaria na boquinha da garrafa. Mas só que o Temerário preferiu a BAND, colocando-a em seu devido lugar, por isso que ela está detonando o Bastardo do Temer. Eu vou soltar fogos se algum dia o MPF ou um Juiz encarar o lodo que tem embaixo desta empresa. Ninguém se torna tão rica e poderosa só com o suor de seu trabalho honesto, vide a JBS.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: