A síndrome do rebanho de ovelhas

Diogo Costa em 7/6/2017

Fernando Haddad, ex-alcaide do paço municipal paulistano, deu uma entrevista primorosa e espetacular para a Revista Piauí.

Discorreu sobre a administração municipal, sobre as dificuldades com a “grande imprensa”, sobre o relacionamento com o governo federal, sobre o junho de 2013, sobre o golpe etc.

Não foi uma mera entrevista e sim uma autêntica aula de ciência política e de história. Uma visão impressionante sobre o conjunto dos acontecimentos havidos no Brasil e no mundo nos últimos tempos.

Haddad é disparado um dos melhores quadros políticos do PT em todo o território nacional – e não é de hoje, portanto, não é surpresa alguma.

Tenho visto algumas “pastoras e pastores”, travestidos de analistas políticos, falarem mal do Haddad pela entrevista que deu. Dizem que ele não deveria ter “falado mal” de Dilma!

Ora, em primeiro lugar ele não falou mal e apenas explicou a dificuldade que teve para tentar construir uma política consistente de tarifas públicas junto ao governo federal (questão da municipalização da Cide).

Tomem cuidado com estes “pastores e pastoras” autoritários, totalitários e que odeiam críticas acima de tudo. No PT, desde sempre, a crítica é livre. Isso é a própria história do partido.

Ainda mais quando é uma crítica muitíssimo bem fundamentada como a que Haddad fez – sem ser leviano com Dilma, com Lula ou com o PT.

Os “pastores e pastoras” não querem militantes ativos; querem, isto sim, ovelhinhas para dizer amém e para fazer parte de seus rebanhos.

E Haddad, que entrevista!

Espetacular e primorosa, como falei no início do texto.

Leia também:
Fernando Haddad: Século 21 ou República Velha, a escolha é agora

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: