A República do Paraná prepara-se para destruir outro setor econômico

Luis Nassif, via Jornal GGN em 18/3/2017

Algumas considerações sobre a operação contra a Friboi, BRF e outras:

1) A ofensiva multinacional brasileira, no período Lula, deu-se em cinco setores principais: empreiteiras, frigoríficos, siderúrgicas, bancos e petróleo, graças ao pré-sal.
2) A Friboi não era, de fato, flor que se cheire. Mas entram outras, como a BRF, empresas que caminhavam para exercer hegemonia no poderosíssimo mercado de carnes e alimentos.
3) Corrupção em fiscalização sanitária é segredo de polichinelo, como me lembra um colega jornalista. Era uma arma engatilhada, pronta a ser sacada a qualquer momento contra o setor.
4) Até agora, a Friboi havia conseguido ampla blindagem na mídia graças à parceria com veículos de comunicação e verbas polpudas de publicidade.
5) O tamanho e o estardalhaço da Operação Carne Fraca dá um tiro no peito do setor. Mais uma vez é conduzida pela Justiça Federal do Paraná e pelo delegado Moscardo Grillo. E com um estardalhaço injustificável. Prisão ou condução coercitiva de 46 pessoas, centenas de policiais envolvidos, o nome das empresas exposto globalmente. E tudo isso para verificar, segundo o Globo, “excesso de água, inobservância da temperatura adequada das câmaras frigoríficas, assinaturas de certificados para exportação fora da sede da empresa e do Ministério da Agricultura, sem checagem in loco, venda de carne imprópria para o consumo humano”.

A Lava-Jato vai conseguir destruir mais um setor da economia. O BTG Pactual caminha para o mesmo destino, agora alvo de ofensiva da Suíça. Na Petrobras, Pedro Parente prossegue no desmonte de vender ativos na bacia das almas, a pretexto de reduzir o endividamento, ao mesmo tempo em que liquida antecipadamente financiamentos já contratados.

É um desmonte amplo do país.

Leia também:
Citado na Carne Fraca, Serraglio traz legado ao Ministério da Justiça

Operação Carne Fraca: Veterinário preso é contra a corrupção e chamava Lula de ladrão
Ministro da Justiça de Temer aparece em grampo da Operação Carne Fraca
Brasil se assusta com carne que chega a sua mesa, mas fecha os olhos para discussão sobre abate
Leonardo Stoppa: Interesse dos EUA na derrubada dos frigoríficos brasileiros

Ação da PF contra setor de carnes ocorre após Brasil conquistar mercado nos EUA

4 Respostas to “A República do Paraná prepara-se para destruir outro setor econômico”

  1. magda f santos (@magdafsantos) Says:

    FORA GOVERNO VENDILHÃO E PODRE!!

  2. daysens Says:

    Para espantarmos o mal, vamos cantar:
    “Brasil! Meu Brasil Brasileiro!
    Vou cantá-Lo nos meus versos!”

    Este é o nosso País.
    Riqueza de cada um de nós brasileiros.
    Somente de nós Brasileiros!

  3. Aristóteles Barros da Silva Says:

    Ingratidão dos/as golpistas para com setores da indústria que tanto colaboraram na execução do golpe sórdido. FORA, TEMER!!! e, leve contigo os/as vendilhões da Pátria!

  4. Claudio Corrêa Says:

    A algo mais estragado que a carne, as atividades de setores da Polícia Federal, Ministério Público e Judiciário para quebrar o Brasil economicamente e deixar Temer executar o Black Friday final da soberania nacional.

    Até agora 3 setores estratégicos da economia brasileira que geram empregos, renda e impostos foram atingidos: o petroleiro, com a Petrobras à frente, pós descoberta do pré sal. O das empresas de grandes obras de infraestrutura e agora o da produção de carnes e derivados. Os três em forte progressão comercial pelo mundo, liderando exportações de bens e serviços, face ao magnífico trabalho desenvolvido pelo Presidente Lula em abrir espaço às empresas brasileiras no comércio exterior.

    Não é coincidência não, é trabalho de desestruturação em prol do capitalismo internacional e praticado pelos mesmos personagens de sempre: a Polícia Federal, o Ministério Público Federal e o Judiciário do Paraná, tudo nos termos estritos da cartilha de Tio Sam.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: