Henrique Alves, ex-homem forte de Temer, diz que US$833 mil “brotaram” em sua conta

henrique_alves10

Fernando Brito, via Tijolaço em 2/3/2017

O Globo noticia que o ex-ministro e ex-presidente da Câmara Henrique Eduardo Alves reconhece em sua defesa que tinha uma conta na Suíça desde 2008, mas que não sabe o que são os US$832.975,98 que nela estão depositados.

Ele diz que, dele, só U$980,00, usados para abrir a conta.

O resto, diz não ter ideia como apareceu.

Que coisa, não é?

Se achassem US$10,00 dentro de uma gaveta do Lula, ele estaria preso.

Mas os quase US$900 mil de Alves são “geração” espontânea, devem ter sido obra de alguém que errou o depósito e acabou colocando o dinheiro lá.

Alves, que era um dos “notáveis” de Temer na primeira composição do ministério do golpe, durou um mês no cargo, derrubado pelas gravações de Sérgio Machado.

O dinheiro, suspeita-se, é propina da Carioca Engenharia para liberação de recursos para a obra do Porto Maravilha.

Se é, Eduardo Cunha sabe tudo sobre isso.

Cunha, como se sabe, não esquece de um dólar sequer, imagine de US$833 mil.

Uma resposta to “Henrique Alves, ex-homem forte de Temer, diz que US$833 mil “brotaram” em sua conta”

  1. Aristóteles Barros da Silva Says:

    Tudo isso, na Lava-Jato, entra na conta do “isso não vem ao caso!”.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: