Justiça manda Gentili explicar acusação infundada sobre ataque “forjado” ao Instituto Lula

danilo_gentili20_instituto_lula

Via RBA em 24/2/2017

Decisão em segunda instância do Tribunal de Justiça de São Paulo determinou que o humorista Danilo Gentili explique de onde tirou a informação que baseou uma mensagem publicada por ele nas redes sociais no ano de 2015. Trata-se de um tuíte divulgado na conta pessoal do humorista, no qual ele afirmou que Lula “forjou um ataque [a bomba, na sede do Instituto Lula] para sair de vítima”.

A postagem fazia referência a uma bomba arremessada na sede do instituto, em 30 de julho de 2015 – a autoria do atentado é investigada até hoje. No dia seguinte ao fato, Gentili publicou a frase acusatória em sua conta no Twitter. Os advogados de Lula, então, ingressaram na Justiça com o chamado “pedido de explicações”, que é uma medida jurídica que antecede um processo penal por calúnia ou difamação.

Com a decisão da Justiça, caso Gentili não consiga explicar formalmente de onde tirou a informação que eventualmente sustente sua acusação, ele será processado por difamação. Se condenado, a pena será de três meses a um ano de detenção.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: