Lula: A loucura da Lava-Jato supera Kafka e Minority Report

lula_lava_jato04_loucura

Via Brasil 247 em 21/12/2016

Um texto publicado no site do ex-presidente Lula na quarta-feira, dia 21/12, acusa a Lava-Jato de superar Franz Kafka e Minority Report em sua loucura pela caça ao petista.

De acordo com o texto, a força-tarefa da investigação atingiu seu máximo “grau de loucura” em sua perseguição a Lula ao abrir “um processo contra Lula por ele não ter recebido um terreno, que segundo a operação, seria destinado ao Instituto Lula”.

“A Lava-Jato reconhece, porque é impossível não reconhecer, que o terreno não é nem nunca foi do Instituto Lula ou de Lula”, afirma a equipe do ex-presidente.

O texto aponta ainda que a força-tarefa, “ao invés de investigar e apresentar denúncias sobre delitos reais […], persegue delitos que só existem na imaginação de Power Point de alguns promotores, e ficam atribuindo imóveis que não são de Lula para o ex-presidente”.

E faz uma crítica ao juiz Sérgio Moro, que “aceita uma denúncia absurda dessas em poucos dias, porque o importante é gerar manchete de jornal e impedir Lula de ser candidato em 2018”.

Leia a íntegra:

LAVA-JATO SUPERA KAFKA E MINORITY REPORT: ACUSA LULA POR NÃO RECEBER TERRENO
A Lava-Jato abriu um processo contra Lula por ele não ter recebido um terreno, que segundo a operação, seria destinado ao Instituto Lula. A Lava-Jato reconhece, porque é impossível não reconhecer, que o terreno não é nem nunca foi do Instituto Lula ou de Lula. É o grau de loucura que a Lava-Jato chegou na sua perseguição contra o ex-presidente.

Ao invés de investigar e apresentar denúncias sobre delitos reais, e após fechar acordos que tiraram da cadeia pessoas que receberam dezenas de milhões em desvios da Petrobras, persegue delitos que só existem na imaginação de Power Point de alguns promotores, e ficam atribuindo imóveis que não são de Lula para o ex-presidente. E o juiz Sérgio Moro aceita uma denúncia absurda dessas em poucos dias, porque o importante é gerar manchete de jornal e impedir Lula de ser candidato em 2018. Abaixo, nota enviada para a Folha de S.Paulo:

“Não comentamos supostas delações. Delações não são prova, quanto mais supostas delações. O ex-presidente não solicitou nenhuma vantagem indevida e sempre agiu dentro da lei. O terreno nunca foi do Instituto Lula e tampouco foi colocado à sua disposição. O imóvel pertence a empresa particular que lá constrói uma revenda de automóveis. Tem dono e uso conhecido. Ou seja, a Lava-Jato acusa como se fosse vantagem particular de Lula um terreno que ele nunca recebeu, nem o Instituto – que não é propriedade de Lula, nem pode ser tratado como tal, porque o Instituto Lula tem uma personalidade jurídica própria. Todas as doações feitas ao Instituto Lula estão devidamente registradas e foram feitas dentro da lei.”

***

Dúvida cruel

odebrecht_propina_lula01

2 Respostas to “Lula: A loucura da Lava-Jato supera Kafka e Minority Report”

  1. Selma Schiedeck Says:

    Mas a mídia golpista só deu a primeira parte da história: a denúncia. Onde vamos parar com tudo isso?

  2. Chico de Pombal Says:

    Esses caras da Lava Jato estão brincando com a inteligência do povo! Também, estão apoiados na cumplicidade do STF, que não freia as ilegalidades e os abusos dos membros da “Operação”, e em Leis que não punem os excessos e as transgressões do MPF, da PF e do Judiciário! Por isso eles podem perseguir Lula à vontade. Como pode um unico “factóide”(o terreno e o Ap alugado que não são do Lula) gerar 5 Processos? É perseguição DESCARADA!

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: