TSE: PSDB quer na Justiça os votos que não teve nas urnas

Aecio_Bolsa_Xororo01

DILMA ROUSSEFF DIZ AO TSE QUE NÃO RECEBEU DINHEIRO DA LAVA-JATO
Defesa alega que quase um terço do dinheiro usado por Aécio na campanha foi oriundo de empreiteiras investigadas na Lava-Jato.
Via Blog do Jota em 18/2/2016

Em documento protocolado nesta quinta-feira [18/2] no Tribunal Superior Eleitoral, a presidente Dilma Rousseff aponta uma “terceira tentativa de obter perante a Justiça Eleitoral os inúmeros votos que não foram obtidos nas urnas” pela oposição.

Nas mais de 40 páginas submetidas como defesa na Ação de Impugnação de Mandato Eletivo iniciada a pedido do PSDB após as eleições de 2014, os advogados da presidente afirmam que “não é inédita” a tentativa de fazer uso político da Justiça Eleitoral.

Sobre as doações de empreiteiras à campanha petista, dizem os advogados que Dilma nunca se corrompeu para obter doações eleitorais e, caso se comprove que o dinheiro doado pelas empreiteiras tinha origem ilícita, a campanha petista não tinha como saber. Alega também a defesa que quase um terço do dinheiro usado por Aécio Neves na campanha foi oriundo de empreiteiras hoje investigadas na operação Lava-Jato. O nome do senador tucano por Minas Gerais foi citado nas delações premiadas do doleiro Alberto Youssef, Carlos Alexandre de Souza Rocha, vulgo “Ceará”, e Fernando Moura, apontam os advogados da presidente.

Contratação da focal
A contratação da Focal, que tem sido objeto de ataque da oposição, é tratada na peça de defesa como “denúncias genéricas veiculadas na imprensa sem qualquer comprovação mínima das alegações”.

A empresa está sendo alvo de investigação no Ministério Público Estadual de São Paulo a pedido do ministro do Supremo Tribunal federal (STF) Gilmar Mendes. Segundo o ministro do Supremo, há indícios de irregularidades no pagamento de R$1,6 milhão à empresa – que fora aberta apenas dois meses antes das eleições.

Em agosto de 2015, Mendes enviou despacho à Procuradoria Geral da República e à Polícia Federal indicando “potencial relevância criminal” na campanha da petista.

Na peça de defesa, a equipe de advogados reforça que a arrecadação de recursos e os gastos de Dilma e do vice-presidente Michel Temer nas eleições de 2014 já receberam aval do próprio TSE.

“As contas já foram julgadas e não podem mais ser revistas a pretexto de abuso de poder econômico”, diz um trecho do documento

[…]

Leia também:
Coletânea de textos: FHC, o vendilhão da Pátria
Coletânea de textos: Lula, o melhor presidente da história do Brasil
Coletânea de textos: Dilma, a guerreira do povo brasileiro
Notícias do Brasil: Zelotes, Mais Médicos, Bolsa Família, SUS, BNDES, ONU
Coletânea de textos: Lista de Furnas, Mariana, Aécio Neves e o brilho de sua carreira
Coletânea de textos: Alckmin e sua mediocridade
Coletânea de textos: Trensalão tucano e a grande quadrilha
Coletânea de textos: José Serra, o Zezinho entreguista
Coletânea de textos: O início do fim da era plim-plim
Coletânea de textos: A mídia como ela é… golpista e manipuladora
Coletânea de textos: Por que a justiça não rela no Perrella?
Coletânea de textos: Prefeito Fernando Haddad enfrenta a máfia demotucana
Coletânea de textos: O que você precisa saber para não ter saudade da ditadura civil-militar
Coletânea de textos: Joaquim Barbosa, o ex-menino pobre que mudou (pra pior) o Brasil
Coletânea de textos: Álvaro Dias, Beto Richa, Banestado e outros personagens da República do Paraná
Coletânea de textos: Sonegação é crime, estúpido!
Coletânea de textos: Gilmar Mendes, o defensor-geral do retrocesso
Coletânea de textos: O nome é Petrobras e não Petrobrax, estúpido!
Coletânea de textos: Quem tem Cunha, tem medo
Coletânea de textos: Cuba e América Latina
Coletânea: 470 textos que farão você pensar 13 vezes antes de votar em qualquer tucano
Coletânea de textos: Os coxinhas marchadores, o fascismo e o impítiman
Coletânea de textos: Doutor Sérgio Moro e sua Operação Lava-Jato
Temas internacionais: EUA são a verdadeira ameaça à paz mundial
Coletânea de textos: O Judiciário brasileiro, que serve só à elite, é caro e ineficiente

2 Respostas to “TSE: PSDB quer na Justiça os votos que não teve nas urnas”

  1. Edson Antunes Says:

    Que coisa!!!!!
    Se eu entendi bem, quer dizer que Aécio quer que Dilma perca o mandato por ter usado dinheiro ilícito na campanha doado pelas empreiteiras que ele sim usou e ela não!!!!!!!
    OHHHHHHH Aécio vá cagar no mato!!!!!!!!

  2. Sheyla Sampaio Says:

    Impeachment ja é um abuso de poder descarado por Eduardo Cunha! Absurdoi o Braszil q vai se forma depoiis dessa falta de leiu e desse crime impune

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: