Mídia prepara o golpe por meio dos 11 princípios de Goebbels

Goebbels02_Nazista

NÃO SORRIA: VOCÊ ESTÁ SENDO MANIPULADO
Via Matéria Incógnita em 1º/8/2015

O olhar psicótico acima pertenceu a Joseph Goebbels, o maquiavélico ministro da propaganda de Hitler que, por meio da manipulação das massas, dopou a Alemanha com o delírio fanático do 3º Reich.

Os 11 princípios do marqueteiro nazista até hoje são utilizados em golpes políticos e conspirações para desestabilizar governos progressistas por um dos braços armados conservadores: a mídia.

1) Princípio da simplificação e do inimigo único
Simplifique, não diversifique, escolhendo um inimigo por vez. Ignore o que os outros fazem e concentre-se em um até acabar com ele.

2) Princípio do contágio
Divulgue a capacidade de contágio que este inimigo tem. Lembre um passado perfeito e mostre como o presente e o futuro estão sendo contaminados por este inimigo.

3) Princípio da transposição
Culpe este inimigo por todos os males sociais.

4) Princípio da exageração e desfiguração
Exagere as más notícias até desfigurá-las, transformando um delito em mil delitos para criar assim um clima de profunda insegurança e temor: “O que nos acontecerá?”

5) Princípio da vulgarização
Transforme tudo numa coisa torpe e de má índole. As ações do inimigo são vulgares, ordinárias, fáceis de descobrir.

6) Princípio da orquestração
Espalhe boatos até que se transformem em notícias e sejam repercutidas pela imprensa.

7) Princípio da renovação
Bombardeie constantemente o inimigo com más notícias para que o público não tenha tempo de pensar. Sufoque o receptor com elas.

8) Princípio do verossímil
Sustente a informação com diversas interpretações de “especialistas”, mas todas contra o inimigo escolhido. O objetivo do debate é que o receptor não perceba que as análises não são verdadeiras.

9) Princípio do silêncio
Oculte toda a informação que não seja conveniente ao projeto de desconstrução do inimigo.

10) Princípio da transferência
Relacione um fato presente com um acontecimento passado. Sempre que noticiar um novo fato potencialize com outro que tenha acontecido antes.

11) Princípio de Unanimidade
Busque a convergência em assuntos de interesse geral, apoderando-se do sentimento produzido por estes para colocá-los contra o inimigo escolhido.

OBS.: Qualquer semelhança com as atuais práticas da velha mídia brasileira, replicadas nas redes sociais pela manada nazifascista, não é mera coincidência…

Leia também:
As máquinas de vender intolerância e preconceito
Coletânea de textos: O início do fim da era plim-plim

3 Respostas to “Mídia prepara o golpe por meio dos 11 princípios de Goebbels”

  1. daysens Says:

    Infelizmente, estamos percebendo dia-a-dia expressões e práticas muito semelhantes às praticadas por Hitler e seus comparsas.
    Alguns brasileiros, excetuados aqueles cujos olhos estão bem abertos e perceptivos dos embustes perpetrados, não amam este País. Verdadeiramente não amam. Demonstram quase total ignorância sobre a verdadeira política e se entregam aos lesa-pátrias, que somente pensam nos seus interesses pessoais de poder.
    Eu tinha a convicção de que após 1964, o Brasil tomaria um novo rumo de liberdades democráticas e de estabilidade político-social.
    E o que estamos assistindo é a direita rearticulando-se para derrubar o GOVERNO REELEITO DEMOCRATICAMENTE PELA MAIORIA DOS CIDADÃOS DESTE PAÍS, HÁ POUCOS MESES ATRÁZ.
    Mas quem sabe pensar a política, sabe, também, que uma vez levado a efeito o mal perpetrado, o veneno tende a espalhar-se e, incontrolável, remanescerá o caos.
    Não devemos nos esquecer, que o interesse da minoria política que urde, nada tem a ver com o interesse verdadeiro do nosso Povo. Não nos deixemos manipular.

  2. Bene Nadal Says:

    A mídia nazifacista, encabeçada por; globosta, foia, e “olhe”( a revistinha de privadas de rodoviária de interior), somados a maioria dos outros órgãos de mídia, chamados de “saca-trapos”, e agora somados à “pseudo internautas”, na verdade; cabos eleitorais mercenários e apátridas, vem intensificando a lavagem cerebral dos brasileiros, especialmente os que tem menos capacidade de raciocínio próprio, independentemente de grau de escolaridade, isso se torna perigoso, especialmente porque a maioria da população não tem capacidade de raciocínio próprio, e além do mais é viciada nesses órgão de mídia nefastos para a sociedade, fico mais preocupados ainda quando percebo que ainda tem trouxas que pagam para ser enganados…

  3. pintobasto Says:

    E nós temos uma cambada de inocentes australopitecus que acreditam em tudo!

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: