Juristas ingleses acusam Lava-Jato de ferir princípios constitucionais

Sergio_Moro49_Delcidio

Luis Nassif, via Jornal GGN em 29/11/2015

The Sunday Times publicou reportagem de uma página sobre a Lava-Jato. Diz o jornal que Sérgio Moro é visto como um herói do povo, capa de revistas.

Na semana passada, segundo a revista, houve o maior golpe de Moro, a prisão do “banqueiro bilionário” André Esteves, do fazendeiro José Carlos Bumlai e do senador líder do governo Dilma Rousseff, Delcídio do Amaral.

A operação transcendeu a Lava-Jato para incluir contratos de construção para os Jogos Olímpicos do Rio, no próximo ano. A reportagem especula sobre as intenções políticas de Moro e depois entra nas suas táticas de investigação, dele e de “sua jovem equipe de procuradores”.

A reportagem ouve um advogado que diz que Moro e sua equipe são intocáveis, inclusive nos métodos utilizados. Lembra “um punhado de líderes empresariais politicamente conectados presos durante meses sem julgamento”. E menciona as denúncias “supostamente vazadas para a imprensa antes mesmo que os acusados tenham sido informados”.

A reportagem acusa os procuradores de tentar intimidar suspeitos com barganhas em troca de sua liberdade.

Menciona um parecer elaboradora pela Blackstone Chambergs, de Londres, sugerindo que o comportamento dos procuradores pode ser uma violação da Constituição do Brasil e de vários tratados internacionais.

Os advogados britânicos, especialistas em direitos humanos, ressaltaram que não estão analisando nenhum caso individual, mas levantando preocupações de que “princípios fundamentais da liberdade e da presunção de inocência foram minados pela investigação de Moro”.

Sustenta que a maioria das 75 condenações foram fruto de ofertas de barganha com réus. Lembra que “Marcelo Odebrecht, diretor da construção império Odebrecht – uma das principais empresas no centro da investigação – está na cadeia desde junho sem julgamento”.

Diz que no governo Lula a Odebrecht ganhou contratos no exterior e ele ficou amigo de Lula e que as investigações tentam saber se Lula influenciou o BNDES para conceder empréstimos baratos à Odebrecht.

Finalmente reclama que a punição está sendo mais severa para os empresários do que para os políticos.

Clique aqui para ler a íntegra da matéria.

Leia também:
Mostre-me com quem andas, que lhe direi com quem tens rabo preso
Áudio de Delcídio: Dinheiro da Alstom e “cunhado” de Serra comandam o delator Baiano
Mídia esconde verdadeiras “relações perigosas” de Bumlai
Polícia Federal: Áudio cita “japonês bonzinho” que vende vazamentos para mídia
Padrinho, eleitor e financiador de Aécio, na mídia André Esteves vira “amigo de Lula”
Dono do BTG pagou R$45 milhões a Eduardo Cunha para alterar MP dos bancos
Citado por Delcídio, Gilmar diz que conversa com todos sobre pedidos de liberdade
J. Carlos de Assis: Depois da divulgação seletiva, agora as investigações seletivas
Recordando: “Renan indicou Cerveró para diretoria da Petrobras”, diz Delcídio
Saiba quem é o banqueiro André Esteves, o padrinho de Aécio
Enfim, um tucano preso. Motivo? Se filiou ao PT!
Novas gravações de Delcídio causam ira suprema de ministros do STF
Preso na Lava-Jato: André Esteves, padrinho de casamento de Aécio, pagou lua de mel ao afilhado em Nova Iorque
Vazamento seletivo: Relator da Lava-Jato estoura a caixa preta de Sérgio Moro
O banqueiro-bandido André Esteves, dono do BTG Pactual e padrinho de Aécio, queria o controle da CEF e do BB
Delcídio, o petista mais tucano do que muito tucano, se gabava de ter ajudado a condenar Dirceu e Genoíno
Denúncia contra Eduardo Cunha pode ligar Lava-Jato à privataria tucana

Uma resposta to “Juristas ingleses acusam Lava-Jato de ferir princípios constitucionais”

  1. Jésus Araújo Says:

    Marcelo Odebrecht mofará na prisão, pois se recusa a fazer delação. Uma vergonha para nossa justiça, independentemente da sua culpabilidade. É uma aberração. Tenho para mim que a Lava-a-lato (jato voltado para uma única direção!) tem por finalidade impedir a conclusão das obras dos PACs. Porque, se o governo petista conclui as 12 grandes obras em execução, os conservadores poderão esperar muito tempo para ganhar eleição. Lamentavelmente, política partidária. E quem está saindo prejudicado? O povo brasileiro. Já se contabilizam em bilhões os prejuízos.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: