WikiLeaks: O pré-sal e a promessa de Serra ao Tio Sam

Serra_Petrobras01

O senador José Serra (PSDB) precisou ser escoltado à saída da 8ª edição da Brasil Offshore, a Feira e Conferência da Indústria de Petróleo e Gás, no dia 23/6, em Macaé (RJ). A equipe de segurança do evento decidiu dar cobertura ao senador em vista dos protestos realizados por grande grupo formado por petroleiros e trabalhadores de outros setores, os quais estenderem faixas com frases em defesa da Petrobras, uma delas exibia frase contundentemente acusatória: “Fora Serra Entreguista”.

Fernando Soares Campos, via Pravda Brasil em 12/8/2015

O senador José Serra (PSDB/SP) é autor de Projeto de Lei do Senado nº 131/15, que pretende mudar o regime de partilha na exploração do petróleo do pré-sal. Se aprovada, a tal lei revogará os dispositivos legais que hoje regulamentam a participação obrigatória da Petrobras no modelo de partilha de produção de petróleo, para a exploração da camada pré-sal.

Serra pretende que seja extinta a obrigatoriedade de a Petrobras atuar como operadora única dos campos do pré-sal, com participação de pelo menos 30%. Pela lei atual, a empresa também deve conduzir e executar todas as atividades de exploração, avaliação, desenvolvimento e produção.

Por que o senador José Serra está tão empenhado na aprovação dessa lei?

O site de WikiLeaks tem a resposta. Leia abaixo.

NOS BASTIDORES, O LOBBY PELO PRÉ-SAL
Via WikiLeaks em 30/8/2011

“A indústria de petróleo vai conseguir combater a lei do pré-sal?”. Este é o título de um extenso telegrama enviado pelo consulado americano no Rio de Janeiro a Washington em 2 de dezembro do ano passado.

Como ele, outros cinco telegramas a serem publicados hoje pelo WikiLeaks mostram como a missão americana no Brasil tem acompanhado desde os primeiros rumores até a elaboração das regras para a exploração do pré-sal – e como fazem lobby pelos interesses das petroleiras.

Os documentos revelam a insatisfação das petroleiras com a lei de exploração aprovada pelo Congresso – em especial, com o fato de que a Petrobras será a única operadora – e como elas atuaram fortemente no Senado para mudar a lei.

“Eles são os profissionais e nós somos os amadores”, teria afirmado Patrícia Padral, diretora da americana Chevron no Brasil, sobre a lei proposta pelo governo. Segundo ela, o tucano José Serra teria prometido mudar as regras se fosse eleito presidente.

Clique aqui para ler a íntegra da matéria.

***

Em 2010 Serra foi candidato a presidente da República, tendo disputado o segundo turno e perdido para Dilma. Podemos imaginar que, com essa promessa, o tucano deve ter recebido muito mais que meras promessas de volta.

Um dos argumentos de Serra em favor do seu projeto de lei é a alegação de que o petróleo do pré-sal vai continuar “adormecido por mais algumas eras geológicas, enquanto o desemprego e o subemprego avançam em ritmo galopante no Brasil”. Quer dizer, Serra finge acreditar que as petroleiras estrangeiras vão gerar emprego significativamente aqui entre nós.

Até parece que o senador não sabe que essas petroleiras estrangeiras em solo brasileiro empregam muito pouca mão de obra nacional, nada muito significativo. Pelo contrário, suas intensas atuações em solo nacional podem representar retração na oferta de vagas. Isso porque essas empresas não vão encomendar plataformas, peças de reposição, produtos de alta tecnologia desenvolvida por empresas brasileiras, entre outras necessidades a serem supridas, como faz a Petrobras e assim gera milhares de empregos. Elas contam com fornecedores pertencentes aos seus próprios grupos empresariais, ou aos seus países de origem. Só a Petrobras, hoje, dá preferência às indústrias nacionais.

Quanto ao desempenho da Petrobras em relação às petroleiras estrangeiras, vou disponibilizar aqui trechos de duas matérias sobre as áreas econômicas e produtivas das empresas petrolíferas estrangeiras e da Petrobras.

***

RESULTADO DA PETROBRAS É SUPERIOR AO DA BP, CHEVRON E EXXON
Via Federação Única dos Petroleiros em 6/8/2015

A Petrobras divulgou na noite de quinta-feira, dia 6/8, os resultados operacionais e financeiros do segundo trimestre, registrando um lucro líquido de R$531 milhões e R$9,5 bilhões de lucro operacional. Levando em conta todo o primeiro semestre de 2015, a estatal alcançou um lucro líquido de R$5,8 bilhões e um lucro operacional de R$22,8 bilhões.

Apesar do lucro líquido da Petrobras neste semestre ter sido 43% inferior ao do mesmo período de 2014, se comparado com outras grandes empresas petrolíferas, ainda assim, a estatal brasileira ficou à frente da britânica British Petroleum (BP), cujo lucro despencou em 144%, e das norte-americanas Chevron e Exxon Mobil, que apresentaram redução de 69% e 49%, respectivamente.

Clique aqui para ler a íntegra da matéria.

***

PETROBRAS TORNA-SE MAIOR PRODUTORA DE PETRÓLEO ENTRE AS EMPRESAS DE CAPITAL ABERTO
Via Reuters, em 8/1/2015

A Petrobras tornou-se a maior produtora de petróleo entre as empresas de capital aberto no mundo, após superar a norte-americana ExxonMobil no terceiro trimestre de 2014, informou a petroleira estatal nesta quinta-feira.

A ExxonMobil produziu 2,065 milhões de barris de petróleo por dia (bpd) no terceiro trimestre, segundo o balanço da companhia, enquanto a Petrobras produziu 2,209 milhões de barris/dia no mesmo período.

Clique aqui para ler a íntegra da matéria.

***

A seguir, algumas informações, só para não perder o embalo das comparações com a era FHC do PSDB de Serra e Aécio.

Criada em 1953, a Petrobras chegou ao ano de 1994 contando com uma reserva nacional de 8,1 bilhões de barris. Era isso que, supostamente, a Petrobras conhecia.

Em 2002, último ano do governo FHC, as reservas provadas no Brasil, estimadas pelo critério SPE (da sociedade mundial de engenheiros de petróleo) eram de 11 bilhões de barris de óleo equivalente (petróleo e gás), com uma produção diária de 1,7 milhão de barris de óleo equivalente (petróleo e gás).

Hoje, considerando a atuação da Petrobras no Brasil e no exterior (a empresa opera em 25 países), a produção total de óleo e gás da companhia foi de 2,766 milhões de barris por dia, em maio deste ano, aproximadamente 57% de aumento da produção, em relação a 2002.

Quanto às reservas, encontrei na Wikipédia uma tabela indicando que, em 2012, nossas reservas eram de 25,21 bilhões de barris (mais que o dobro de 2002), 13º lugar entre 90 países produtores de petróleo. Entretanto, de 2012 a 2015 novas megajazidas foram descobertas.

***

PRÉ-SAL DO BRASIL CONTÉM 176 BILHÕES DE BARRIS DE PETRÓLEO E GÁS, DIZ ESTUDO
Estudo foi feito no Instituto Nacional de Óleo e Gás da Uerj. Polígono pode ter óleo não descoberto suficiente para cinco anos no mundo.
Via G1 em 10/8/2015

O polígono do pré-sal do Brasil, uma área marítima que já resultou em algumas das maiores descobertas recentes de petróleo, pode conter ainda óleo e gás não descobertos suficientes para suprir as atuais necessidades do mundo por mais de cinco anos, disseram pesquisadores.

O polígono, que cobre a maior parte das bacias marítimas sedimentares de Campos e Santos, contém ao menos 176 bilhões de barris de recursos não descobertos e recuperáveis de petróleo e gás natural (barris de óleo equivalente), de acordo com um estudo publicado semana passada por Cleveland Jones e Hernane Chaves, do Instituto Nacional de Óleo e Gás da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (Uerj).

Isso é quatro vezes mais do que os 30 bilhões a 40 bilhões de barris que já foram descobertos na área.

Clique aqui para ler a íntegra da matéria.

***

E tem lesa-pátria querendo entregar tudo isso a troco de propina e proteção pessoal.

Leia também:
José Serra e a entrega do pré-sal
Que medo!: Tucanos se irritam com programa do PT e pede nova eleição já
Serra desempregado? Lucro da Chevron despenca 90% no 2º trimestre
E se fosse o Lula?: Marcelo Odebrecht reuniu-se com Serra no escritório de Verônica
Stanley Burburinho sabe quem pôs a tarja preta em Serra
Polícia do ministro Cardozo esconde o nome de Serra no celular de Marcelo Odebrecht
Recife: A “cota fantasma” do PSDB
O PSDB e a falta de respeito pela democracia
Vídeo: Deputado Sílvio Costa aponta a bipolaridade dos golpistas da oposição
Cuidado, direitopata!: Eurico Schwinden, vulgo Brasilianas, é um troll desqualificado e pau-mandado dos tucanos
Dilma chamou golpistas pra briga. Vão encarar?
Projeto de Serra transfere lucros do pré-sal dos brasileiros para multinacionais
Antonio Lassance: O lobby das petroleiras que se transformou em projeto de lei
Recordar é viver: Serra prometeu entregar o pré-sal aos norte-americanos
Projeto de Serra, o lesa-pátria: Ministro da Educação faz vídeo contra mudança no pré-sal
José Serra é recebido com protestos em Macaé
A conexão Serra-Matarazzo no caso do jornal anti-Haddad e no blog Implicante
Na surdina, José Serra apresenta projeto que desobriga Petrobras de participar do pré-sal
Os acertos de Serra com a Chevon para entregar o pré-sal
Trensalão: Depoimentos ligam José Serra ao propinoduto tucano do Metrô
Trensalão tucano: Promotor vê indícios de ação de Serra no cartel
Trensalão tucano: Andrea Matarazzo arrecadou junto à Altom para a campanha de FHC
Justiça quebra sigilo do tucano Andrea Matarazzo
Trensalão tucano: Matarazzo quer habeas corpus para não ser investigado
José Serra gastou R$2 bilhões na compra de trens para CPTM sem pesquisar preços
Trensalão tucano: As pegadas recentes do cartel de Mário Covas, José Serra e Geraldo Alckmin
Trensalão tucano: Novos documentos da Alstom incriminam ainda mais Serra e Alckmin
Trensalão: Pessoas envolvidas no caso Alstom também aparecem entre correntistas do HSBC
Os melhores piores momentos de José Serra
Serra jogou no lixo quatro anos de obras antienchente
Adib Jatene: “FHC é um homem sem palavra e Serra, um homem sem princípios.”
Laudo da PF engavetado no governo FHC ligava Youssef à caixa de campanha de Serra e do próprio FHC
Trensalão tucano: Alstom tentou Quércia, mas fechou com PSDB
MP abrirá as cinco primeiras denúncias criminais no cartel do trensalão
José Serra gastou R$2 bilhões na compra de trens para CPTM sem pesquisar preços
Metrô/SP: A grande quadrilha
Trensalão tucano: Novos documentos da Alstom incriminam ainda mais Serra e Alckmin
Por onde andou o dinheiro do trensalão tucano
Trensalão tucano: Descoberta a conta secreta do propinoduto na Suíça
Trensalão tucano: Saiba o nome dos deputados paulistas que foram contra a CPI da Corrupção
Trensalão tucano: Entenda as denúncias contra o PSDB
Todos os homens do propinoduto tucano
Propinoduto tucano: Os cofres paulista foram lesados em mais de R$425 milhões
Propinoduto em São Paulo: O esquema tucano de corrupção saiu dos trilhos
MP investiga gestões de Serra e Kassab por desvio de R410 bilhões do IPTU
Após investigações, Haddad manda prender ex-funcionários da gestão Kassab/Serra
Há mais envolvidos no esquema de corrupção do governo Kassab/Serra, diz Haddad
Só depois da posse de Haddad, a Veja percebeu que a cidade de São Paulo está um lixo
Para atacar Haddad, “Estadão” usa foto da guerra do Congo para ilustrar matéria
Desespero: Cabo eleitoral de Serra, Soninha xinga Haddad de “filho da p…” e diz que odeia o povo
Serra, Gilmar, Demóstenes e Dantas: Operação Banqueiro revela as duas maiores fábricas de dossiês do Brasil
Em 2009, Serra foi alertado para a crise hídrica de 2015. E não fez nada
E aí Joaquim, a filha do Serra também está no “mensalão”
Um ano depois, o picolé da filha de Serra ainda é mistério
A crise do picolé assusta Scabin, Verônica Serra e Lemann
E se Verônica Serra fosse filha de Lula?

2 Respostas to “WikiLeaks: O pré-sal e a promessa de Serra ao Tio Sam”

  1. gustavo_horta Says:

    Republicou isso em Gustavo Hortae comentado:
    LUTA CONTRA A CORRUÇÃO QUE NADA! É O PETRÓLEO!

    “Em 2011, WikiLeaks já revelava os planos de Serra de entregar o Pré-sal”

    Relembre o texto da rede de Julian Assange que revela telegramas do consulado norte-americano no Brasil falando sobre como petroleiras estrangeiras estavam preocupadas com a lei de partilha do pré-sal, que dava à Petrobras a condição de operadora única da reserva, e como contavam com políticos e grupos empresariais brasileiros para reverter a situação, como José Serra (PSDB) e a Fiesp

    >> https://limpinhoecheiroso.com/2015/08/17/wikileaks-o-pre-sal-e-a-promessa-de-serra-ao-tio-sam/

  2. Dayse Silva Says:

    É, absolutamente, inaceitável a ação de certas figuras brasileiras como Serra:fazer projeto de lei, para deixar o nosso petróleo do pré-sal, recém-descoberto, à exploração estrangeira: os EE.UU.
    O Brasil não deve aceitar isto.
    Nosso país tem perfeitas condições técnicas para fazê-lo.
    Abaixo o entreguismo.
    Abaixo o projeto de lei de Serra.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: