Em editorial surpreendente, Globo acusa PSDB de inconsequente e pede sustentação ao governo Dilma

William_Bonner16_JN

Aí tem…

Em editorial nunca visto antes na história deste país, a Globo acusa PSDB de inconsequente e pede esforço pela governabilidade de Dilma. O que teria levado as organizações da famiglia Marinho a cravar posição contra o impeachment da presidente e chamar de irresponsáveis os que querem tirá-la do cargo para o qual foi eleita até 2018? Por sua vez, o Jornal Nacional da noite de sexta-feira, dia 7/8, causou também estranheza: longa sonora favorável à Dilma, crítica à Eduardo Cunha e matéria sobre o aeroporto de Cláudio, de Aécio Neves.

Via Pragmatismo Político em 7/8/2015

Em editorial publicado na sexta-feira, dia 7/8, O Globo surpreendeu os observadores da política nacional e cravou posição contra o impeachment de Dilma Rousseff. O texto Manipulação do Congresso ultrapassa limites, que chama o PSDB de “inconsequente”, também faz críticas às “manipulações” do presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB/RJ).

Também causou estranheza a edição do Jornal Nacional da noite da mesma sexta. O telejornal de maior audiência da televisão brasileira dedicou mais de três minutos veiculando sonoras de Dilma Rousseff rebatendo críticas durante um discurso e sendo aplaudida por populares.

Além disso, o jornal mostrou um protesto que reuniu centenas de manifestantes contra o atentado terrorista contra o Instituto Lula na última semana.

Houve, ainda, matéria a respeito do aeroporto de Cláudio, de Aécio Neves, e críticas ao suposto atropelo de Eduardo Cunha por colocar em votação a aprovação das contas dos ex-presidentes Itamar, FHC e Lula.

Leia abaixo trechos do editorial de O Globo:

“Há momentos nas crises que impõem a avaliação da importância do que está em jogo. Os fatos das últimas semanas e, em especial, de quarta-feira [5/8], com as evidências do desmoronamento da já fissurada base parlamentar do governo, indicam que se chegou a uma bifurcação: vale mais o destino de políticos proeminentes ou a estabilidade institucional do país?

Mesmo o mais ingênuo baixo-clero entende que o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB/RJ), age de forma assumida como oposição ao governo Dilma na tentativa de demonstrar força para escapar de ser denunciado ao Supremo, condenado e perder o mandato, por envolvimento nas traficâncias financeiras desvendadas pela Lava-Jato. Daí, trabalhar pela aprovação de “pautas-bomba”, destinadas a explodir o Orçamento e, em consequência, queira ou não, desestabilizar de vez a própria economia brasileira.

A Câmara retomou as votações na quarta, com mais uma aprovação irresponsável, da PEC 443, que vincula os salários da Advocacia-Geral da União, delegados civis e federais a 90,25% da remuneração dos ministros do Supremo. Espeta-se uma conta adicional de R$2,4 bilhões, por ano, nas costas do contribuinte. Reafirma-se a estratégia suicida de encurralar Dilma, por meio da explosão do Orçamento, e isso numa fase crítica de ajuste fiscal. É uma clássica marcha da insensatez.
[…]
Até há pouco, o presidente do Senado, o também peemedebista Renan Calheiros (AL), igualmente investigado na Lava-Jato, agia na mesma direção, sempre com o apoio jovial e inconsequente dos tucanos. Porém, na terça [4/8], antes de almoço com o ministro da Fazenda, Joaquim Levy, Renan declarou não ser governista, mas também não atuar como oposicionista, seguindo o presidente da Câmara, e descartou a aprovação desses projetos-bomba pelo Congresso. Um gesto de sensatez.

Se a conjuntura já é muito ruim, a situação piora com o deputado Eduardo Cunha manipulando com habilidade o Legislativo na sua guerra particular contra Dilma e petistas. Equivale ao uso de arma nuclear em briga de rua, e com a conivência de todos os partidos, inclusive os da oposição.

É preciso entender que a crise política, enquanto corrói a capacidade de governar do Planalto, turbina a crise econômica, por degradar as expectativas e paralisar o Executivo. Dessa forma, a nota de risco do Brasil irá mesmo para abaixo do “grau de investimento”, com todas as implicações previsíveis: redução de investimentos externos, diretos e para aplicações financeiras; portanto, maiores desvalorizações cambiais, cujo resultado será novo choque de inflação. Logo, a recessão tenderá a ser mais longa, bem como, em decorrência, o ciclo de desemprego e queda de renda.

Tudo isso deveria aproximar os políticos responsáveis de todos os partidos para dar condições de governabilidade ao Planalto.”

Leia também:
Futebol: A Globo promove o apartheid e o Brasil corre o risco de “espanholização”, ter apenas dois campeões
Os 11 princípios de Joseph Goebbels, o ministro da propaganda nazista
S&P rebaixa Globo e segura Petrobras e Odebrecht
A Globo, a CBF e os direitos de transmissão esportiva na tevê
Tevê brasileira ainda vive no Brasil de FHC, afirma o ator Pedro Cardoso
Globo 1989-2015: 26 anos de campanhas sujas contra Lula
Jornal Nacional atua como assessor de imprensa de Eduardo Cunha
A verdadeira missão do Jornal Nacional

Jornal O Globo acusa Eduardo Cunha de corrupção
Fantástico mostra hospital com atendimento em nível de excelência, mas omite que é 100% SUS
Mauro Santayana: A repórter da Globo e a resposta de Obama
Livro acusa Globo de “delação” no período da ditadura militar
A moça do tempo, o racismo e o ódio nas redes sociais
As máquinas de vender intolerância e preconceito
Contratos entre CBF e Globo são investigados pela Polícia Federal
O que explica o vexame internacional da Globo na coletiva de Dilma e Obama
Os documentos da sonegação da Globo
Sérgio Moro, um juiz a serviço da TV Globo e do PSDB
Manchetômetro: Noticiário das Organizações Globo massacra Dilma
Globo e um exemplo de jornalismo “isento”
Por um plano de investimento que quebre o monopólio da Globo
Sérgio Moro, o justiceiro da Globo, foi patrocinado pela CBF
Lalo Leal: Rede Globo é a responsável pela despolitização do brasileiro
Fifa/CBF: Agora falta explicar por que quem pagou menos transmitiu de forma exclusiva o futebol
O dia em que o JN se despediu do parceiro Ricardo Teixeira, o homem da propina de R$73 milhões
Rede Globo mentiu sobre envolvimento da mídia no escândalo da Fifa
Rede Globo e Nike são citadas em inquérito sobre corrupção no futebol
Ricardo Teixeira é o homem-bomba que a Globo não quer ver denunciado
A CBF e a cara do Brasil
Globo silencia sobre a corrupção em seu quintal
A Receita Federal tem medo de falar na Globo?
Fifa: Globo esconde que J.Hawilla é sócio de filho de João Roberto Marinho
Quem concedeu a “cláusula de preferência” à Globo na transmissão do futebol, e por quanto?
Pacto federativo? Que tal tevês voltarem a pagar ICMS?
A Receita Federal tem medo de falar na Globo?
Ricardo Teixeira é o homem-bomba que a Globo não quer ver denunciado
A “revelação” de Mariana Godoy sobre os apresentadores da Globo
Globo mente sobre o programa Ciência sem Fronteiras
Allianz Parque: O dia em que a Globo e a CBF censuraram um estádio
Lula encara os Marinho: “Olhem para o próprio rabo.”
O dia em que a Globo bateu continência para o ditador Videla
Enciclopédia norte-americana afirma que Globo é subsidiada pelo Tio Sam
Na versão 2015 de seus donos, Globo é quase uma vítima da ditadura
Uma pequena história da mídia brasileira, nos 50 anos da Globo
O torcedor não é bobo e derruba a audiência da Globo
Globo é escrachada no dia de seu aniversário
Vídeo: Vinheta de descomemoração dos 50 anos da Globo
Aniversário da Globo: 10 motivos para descomemorar
Vídeo: O documentário sobre o escândalo de sonegação da Globo
Terrorismo, mentiras e pedofilia na pedagogia das Organizações Globo
O caso de sonegação da Globo e o escândalo HSBC
50 anos da TV Globo, o principal legado da ditadura militar
O declínio do Jornal Nacional é irreversível
Repórter da Globo resolve ser sincera: “A ordem é ouvir só o Paulinho da Força.”
Imperdível: Vídeo sobre o jornalismo da Globo e o golpe militar
Globo se desculpa pelo passado. Mas e o presente?
Golpe de 1964: A Globo devolverá o dinheiro que ganhou com ele?
O controle remoto pela qual a Globo comanda o Brasil
MP/SP é contra doação ao Instituto Lula, mas a favor de doação à Globo?
TV Globo: Desfiles e Fantástico têm as piores audiências da história, dentre outros programas
O Brasil é o paraíso dos milionários
Como a Globo manipula a Justiça brasileira por meio do Instituto Innovare
Jornal Nacional: William Bonner é corrigido ao vivo
Como o dinheiro público vem patrocinando a Globo há décadas
Globo orienta jornalistas a evitar “pautas positivas” sobre a Copa
Rede Globo tem contratos sigilosos com Marcos Valério
Andrea Hass, esposa de Pizzolato, pede o Darf para repórter da Globo
PF confirma abertura de inquérito contra sonegação da Globo
Uma aula de Venezuela e uma dura na Globo, em plena Globo
Metodologia da Rede Globo e sua “imparcialidade”
Globo: Eles foram contra o 13º salário
Globo abre o jogo: É contra o pobre
Os bilionários da Globo
Credores norte-americanos pedem falência de empresa da Rede Globo nos EUA
Allianz Parque: O dia em que a Globo e a CBF censuraram um estádio
O caso de sonegação da Globo e o escândalo HSBC
PF confirma abertura de inquérito contra sonegação da Globo
Rede Globo sonega milhões de reais em impostos
A Globo e a ditadura militar, segundo Walter Clark
Estarrecedor: Por sonegação, Receita Federal notificou a Globo 776 vezes em dois anos
Rede Globo tem os bens bloqueados pela Justiça
Ex-funcionária da Receita que sumiu com processos contra TV Globo é condenada à prisão
Leandro Fortes: O povo não é bobo
João, Irineu e José, os filhos de Roberto Marinho: Os bilionários donos do BV
Rede Globo: Quem planta terrorismo, colhe caos
Por que a Globo faz o que faz
Como a Globo manipula gente simples para defender sua visão predadora de impostos
Forbes: A famiglia Marinho tem fortuna de R$52 bilhões
Leandro Fortes: A TV Globo e a ópera bufa no Panamá
Apoio da Globo ao golpe de 1964 foi comercial, não ideológico
Ministério Público no DF abre apuração sobre o caso de sonegação envolvendo a Rede Globo
Rede Globo: Só falta o cadáver
Funcionária da Receita foi condenada por sumir com processo contra a Globo
Rede Globo é alvo de uma CPI na Câmara
Sonegação fiscal da Globo fica em segundo plano, agora o caso é de polícia
Processos contra a Globo podem reaparecer no Congresso
Dublê da Globo é o herói da Veja
Professor demonstra manipulação de “O Globo” sobre a Venezuela
Dia Nacional de Lutas: Trabalhadores ocupam as ruas com atos em todo o País
“Grande mídia” tenta abafar protestos contra a Globo
Baba-ovo: TV Globo fará série sobre a mãe de Joaquim Barbosa
Ligações suspeitas entre Globo e Banco Rural, mas ninguém investiga
A ingratidão da Globo
Na lista da máfia do ISS, Globo nega e diz que paga todos os impostos
Por que a Globo é contra os venezuelanos
MPF denuncia coronel Ustra por ocultação de cadáver na ditadura militar
Ditadura militar: O algoz e o crematório
“Coronel Ustra comandava a tortura”, diz ex-sargento
Marco Aurélio Mello: Ministro que defende o golpe de 1964 pode ter lisura para julgar a AP470?
Mauro Santayana: O golpe da informação
O golpe de 1964 em filmes, livros e artigos
O golpe de 1964: Ranieri Mazzilli, o político Modess
O PIG apoiou a ditadura militar: As manchetes do golpe de 1964
Documentos da ditadura estarão disponíveis na internet
31 de março é um dia para lamentar
Dirigentes do PSOL acham que a Globo desempenha papel de vanguarda
Cadu Amaral: A Globo, o complexo de vira-lata e a Copa do Mundo no Brasil
STF paga viagem de jornalista de “O Globo”
Ação Penal 470: Globo dá sinais de que, se farsa reunir, Barbosa é quem vai pagar a conta
A Globo e Joaquim Barbosa são um caso indefensável de conflito de interesses
Série do DCM sobre a sonegação da Globo, 1ª parte: “Injusto é pagar imposto no Brasil.”
Série do DCM sobre a sonegação da Globo, 2ª parte: Como o processo sumiu da Receita e sobreviveu no submundo do crime
Série do DCM sobre a sonegação da Globo, 3ª parte: A história da funcionária da Receita que sumiu com o processo
Vídeo: O documentário sobre o escândalo de sonegação da Globo
Vazou tudo: Sonegação da Rede Globo está na web
A sonegação da Globo, o Ministério Público e a PEC 37
Como a Globo deu o golpe da barriga em FHC e enviou Miriam para Portugal

7 Respostas to “Em editorial surpreendente, Globo acusa PSDB de inconsequente e pede sustentação ao governo Dilma”

  1. Dayse Silva Says:

    Fora do Brasil há quem já expresse sobre as consequências, caso houvesse o “impeachement” da nossa Presidente, cuja reeleição deu-se há tão poucos meses atrás e por uma diferença de mais de 42.000 votos.
    E todos aqueles, que têm visão dos processos políticos, sabem muito bem, que uma vez deflagrado um ato irresponsável de derrubada de governo, levaria o País a tempos de escuridão, cuja recuperação demandaria décadas.
    Logo, somente aos loucos e irresponsáveis poderia interessar a desestabilização institucional do nosso País.
    Aliás, já passou da hora de nós brasileiros superarmos, definitivamente, essa idéia atrasada de derrubada de governos legitimamente eleitos.
    Isto jamais ocorreria nos EE.UU., nos países da Europa, etc.,etc.
    Derrubada de governos e ditaduras são coisas atrasadíssimas.
    O Brasil já ultrapassou, historicamente, tal atraso.
    Ao futuro, sempre sob a democracia!

  2. Dayse Silva Says:

    Há que se perguntar:o que está por trás de tal virada?
    Esta é a grande indagação que não deve calar.

  3. Bene Bugrao Says:

    É bombástico demais para eu opinar… Prefiro esperar…

  4. Maria Amélia Martins Branco Says:

    Não confio na sonegadora Globo, ela simplesmente não quer passar o recibo de GOLPISTA, quem viver, verá…

  5. Rita Says:

    Está certo, globo. Engane-me, que eu gosto.

  6. JMauriciO Says:

    Piuuuuu! Córócócóóóó!

  7. José Jésus Gomes de Araújo Says:

    Podemos questionar os motivos de O Globo, cujo passado conhecemos. Mas a análise está correta e vazada no bom senso. Destruir o governo acarretará prejuízos a todos, inclusive a O Globo – ninguém sai lucrando.. Assim. é necessário estancar essa torrente de ódio, cujo desfecho é imprevisível, e parar essa marcha de insensatos e irresponsáveis que está incendiando o Brasil.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: