Casa Branca vai pedir ao Congresso que permita envio de detentos de Guantânamo para EUA

Cuba_Guantanamo26_Presos

“Guantânamo é uma vergonha não só para os EUA, mas para a humanidade”, já disse o ex-presidente uruguaio Mujica.

Prisão militar fica em base naval em Cuba; Washington anunciou retirada Ilha de lista de países que não tomam ações suficientes para combater tráfico de pessoas.

Via Opera Mundi em 27/7/2015

A Casa Branca enviará ao Congresso uma proposta que prevê que os 116 detentos encarcerados em Guantânamo sejam transferidos para os EUA, informou Lisa Monaco, assessora de Segurança Nacional do presidente Barack Obama.

O projeto, anunciado no domingo, dia 26/7, e divulgado pela agência Reuters, vem em meio aos esforços da administração Obama pelo fechamento da prisão militar norte-americana em Cuba e foi uma das principais bandeiras eleitorais do mandatário durante sua primeira campanha à presidência.

Segundo Monaco, Washington vai intensificar as transferências de 52 detidos liberados para recolocação em outros países. A ideia é que os demais presos sejam levados para prisões militares ou de segurança máxima dentro dos EUA para julgamento.

Muitos dos detidos em Guantânamo estão encarcerados há anos sem acusação formal e sofrem maus tratos e torturas. Para diversos grupos de direitos humanos internacionais e governos progressistas, as condições precárias da base militar controlada pelos EUA na Ilha liderada por Raul Castro é uma vergonha internacional.

Apesar disso, espera-se uma forte resistência dos republicanos no Congresso. A atual legislação em vigor no país proíbe a transferência de presos de Guantânamo para instalações norte-americanas. No ano passado, o Uruguai recebeu seis prisioneiros na condição de “refugiados”.

No domingo, dia 26/7, Havana exigiu mais uma vez a devolução de Guantânamo, bem como o fim do bloqueio econômico contra a Ilha, durante as comemorações do Dia da Rebeldia. No ato – que marcou os 62 anos do início da Revolução com ações da guerrilha liderada por Fidel Castro no Quartel Moncada – o governo cubano reforçou que essas demandas são fundamentais para a retomada integral das relações bilaterais com os norte-americanos.

EUA retiram Havana de lista de tráfico de pessoas
O Departamento de Estado norte-americano retirou na segunda-feira, dia 27/7, Cuba de sua lista de países que não tomam ações suficientes para combater o tráfico de pessoas, reportou a Agência Efe.

Com a atualização do relatório anual do órgão, Havana não sofrerá mais com a imposição de sanções, como o congelamento da ajuda não humanitária e não comercial, que era submetida ao menos desde 2003.

Apesar da decisão, Washington manteve nessa lista países como Venezuela, Rússia, Irã, Síria e Coreia do Norte. A partir de agora, Cuba aparecerá na categoria “observação especial”, em que também constam nações como Bolívia, Costa Rica, Haiti, Jamaica e China.

Leia também:
Cuba pede fim do bloqueio e devolução de Guantânamo nas celebrações do Dia da Rebeldia
Mauro Santayana: Havana em Washington e os EUA nos Brics
Ah, se fosse Lula: Obama faz jantar para 70 empresários que fazem lobby pelo fim do bloqueio a Cuba
De Santiago a Caracas, o golpismo de Washington
Bandeira de Cuba volta a Washington após 54 anos; Fidel é protagonista mesmo ausente
Um remédio cubano contra câncer de pulmão
Após referendo na Grécia, Fidel Castro saúda Tsipras pela “brilhante vitória política”
Cuba-EUA: A soberania nacional como pano de fundo
Em Cuba, Fidel Castro vai a debate com produtores de laticínios
Cuba é primeira nação do mundo a eliminar transmissão de HIV de mãe para filho
Por que em Cuba não há violência com armas de fogo?
Herói cubano fala sobre os 16 anos de prisão nos EUA
Antiterrorista cubano agradece a brasileiros por apoio a sua liberdade
Nos ovos sujos de Yoani Sanchez, a afonia da dissidência cubana
Cuba x Cosmos: Diplomacia ganhou por goleada
Cuba sai de uma lista onde nunca deveria ter estado
Em 8 de junho, os Cinco Heróis Cubanos visitarão o Brasil
Estudantes dos EUA nas escolas de medicina de Cuba
Cuba mostra a turistas dos EUA o outro lado da história
Dia histórico para a França: O Ocidente redescobriu Cuba
BNDES acelerou reatamento dos EUA e Cuba
Cuba pode se tornar uma potência em minério e petróleo?
Jornal norte-americano revela a identidade do terrorista oculto libertado por Cuba
Cuba terá luta “longa e difícil” para fim de bloqueio dos EUA, diz Raul Castro
Vídeo: Os três últimos heróis cubanos presos injustamente nos EUA chegaram em sua Pátria
Entenda o que muda em Cuba e nos EUA com as novas políticas anunciadas
Reatamento diplomático Cuba-EUA: Governo brasileiro marca golaço ao financiar o Porto de Mariel
Mauro Santayana: Pearl Harbor e Mariel
Beto Almeida: O porto de Mariel, Brasil, Cuba e o socialismo
Com Raul Castro, Lula visita Porto de Mariel e considera obra “referência” para o continente
Reatamento diplomático Cuba-EUA: Apesar de dia histórico, Raul Castro lamenta que bloqueio econômico seja mantido
Por que investir em Cuba? E na África, e na América Latina? Não é caridade ideológica, é negócio
Reatamento diplomático Cuba-EUA: Coxinhas indignados
Repercussão mundial: Os mais de 50 anos demonstraram que o isolamento dos EUA a Cuba não funcionou
Porto de Mariel: O que tucanos e aliados têm a dizer sobre isso?
Para desgosto dos reaças, cubanos não fogem da Ilha
Mais uma vez, Obama promete fechar a prisão de Guantânamo
Reatamento diplomático Cuba-EUA: Geografia e estratégia
Cuba comemora 56º aniversário da Revolução liderada por Fidel Castro
Michael Löwy: “Duvido que Miami vá colonizar Cuba.”
Vídeo: Os três últimos heróis cubanos presos injustamente nos EUA chegaram em sua Pátria
Cinco heróis: Sai da prisão mais um antiterrorista cubano preso nos EUA
René Gonzalez, herói cubano: “Foi muito difícil deixar o país.”

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: