Suiçalão: Lista do HSBC inclui artistas, cineastas e escritores do Brasil

Suicalao_Artistas

Jô Soares, Claudia Raia, Edson Celulari, Marília Pêra, Maitê Proença e Ricardo Waddington estão na lista do HSBC.

Claudia Raia, Edson Celulari, Jô Soares, Tom Jobim e família de Jorge Amado, entre outros, estão nos arquivos do banco suíço.

Via Agência PT em 23/3/2015

A lista de brasileiros com contas secretas no banco do HSBC na Suíça inclui, segundo reportagem publicada pelo jornal O Globo na segunda-feira, dia 23/3, artistas, cineastas, escritores e músicos do País.

Entre os nomes divulgados estão o do apresentador da Rede Globo Jô Soares, dos atores Maitê Proença, Marília Pêra, Francisco Cuoco, Claudia Raia e Edson Celulari. Quatro membros da família de Jorge Amado estão na lista do HSBC, além de Tom Jobim e dos irmãos Andrew Waddington (cineasta) e de Ricardo Waddington (diretor da TV Globo). O cineasta Hector Babenco e o publicitário Roberto Medina também têm registros no banco.

No período investigado pelo projeto SwissLeaks, entre 1988 e 2007, a conta de Jô Soares não tinha saldo. Maitê Proença abriu uma conta no banco suíço em 1990 e tinha, em 2006/2007, US$585,2 mil. Em conta conjunta, Claudia Raia e Edson Celulari contabilizavam US$135,7 mil.

Marília Pêra, segundo os registros, abriu a conta em 1999. Em 2006/2007, ela dispunha de US$834 mil no HSBC suíço. As contas da família de Jorge Amado estavam no nome do próprio escritor, falecido em 2001, da esposa Zélia Gattai, morta em 2008, e dos dois filhos, Paloma e João Jorge. De acordo com o banco, a conta da família estava zerada em 2006/2007.

A conta conjunta dos irmãos Waddington também estava zerada em 2006 e 2007.

Em resposta à reportagem do jornal O Globo, as celebridades citadas no caso disseram não ter conhecimento sobre qualquer conta no banco suíço. Em outros casos, alguns explicaram ter realizado todas as operações financeiras de forma legal.

Entenda o caso
No início de fevereiro, o Consórcio Internacional de Jornalistas Investigativos (ICIJ), divulgou o projeto SwissLeaks, por meio do qual foram expostos quase 60 mil arquivos com detalhes sobre mais de 100 mil correntistas do HSBC e suas movimentações bancárias, entre 1988 e 2007.

As contas bancárias reveladas somam mais de US$100 bilhões depositados em filiais do banco por correntistas ao redor do mundo.

À época, os dados sobre as correntes foram vazados pelo ex-funcionário do banco Herve Falciani. As informações foram entregues por ele a autoridades francesas, em 2008. Com o projeto SwissLeaks, mais de 140 jornalistas em 45 países investigam os nomes envolvidos no caso.

Até o momento, foram descobertas contas secretas, no HSBC da Suíça, de 6,6 mil brasileiros. Estima-se que os depósitos de correntistas brasileiros no paraíso fiscal possa chegar a US$7 bilhões.Leia também:
É preciso “coragem” para chamar uma mulher de “vaca” da janela do prédio
O panelaço da barriga cheia e do ódio da elite branca
Paulo Moreira Leite: Panelaço virou panelinha
A revolta da varanda: Onde estavam os paneleiros antes?
Só pra quem tem estômago forte: Ecos das manifestações de 15 de março
Brasil surreal: O corrupto Agripino foi protestar por um Brasil melhor e sem corrupção
Por que a presidenta é execrada e os governadores são poupados?
O que está por trás da contagem de pessoas nos protestos?
Afinal, do que se trata? Simples: destituir Dilma e liquidar o PT.
Manifestações da middle class: Polifonia e ódio de classes dos “filhos da mídia”
“Nunca subestimem o ódio, o medo e a ignorância.”
Ricardo Melo: Dilma, a hora é agora
Os coxinhas, Paulo Freire e a ONU
Os reais motivos do inconformismo da elite reacionária

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: