“Ladrão de carreira” se diz “enojado” em 2009 e continua roubando até 2012?

Petrobras_Paulo_Roberto16

Fernando Brito, via Tijolaço

Assisti, estarrecido, o depoimento de Paulo Roberto Costa à CPMI do Congresso. Disse que foi “honesto” durante 27 anos de sua carreira na empresa, antes do governo Lula, exercendo cargos de altíssimo grau. E que “aceitou”, pelo desejo de ser diretor, entrar no esquema de corrupção por intermédio do deputado José Janene, do PP.

Porque, disse ele, ninguém, com Sarney, Collor, Itamar, FHC ou nos governos do PT, sem “apoio político”. Daí em diante, constrangido, roubou pelo apoio político e, claro, para si mesmo, porque ficou com pelo menos US$23 milhões (o que está na Suíça) e mais o que tenha ficado por aqui.

Disse que, em 2009, “estava enojado”. E “enojado” continuou roubando até que, três anos depois, foi demitido de fato e, como é comum nestes cargos, apresentou sua carta de exoneração.

Todos sabiam disso, tanto que O Globo publicou, em 26 de abril de 2012.

“A saída de Duque e Zelada ocorreu a pedido deles. Já Costa saiu por decisão da presidente Graça Foster e era uma indicação do PP, que deve reagir à demissão”.

É óbvio que, se Costa não estivesse sendo compelido a sair, bastaria que ele dissesse isso, na ocasião, aos repórteres: “não é nada disso, eu é que pedi para sair, por razões de foro íntimo”.

Tanto não foi assim que o mesmo O Globo, no mesmo dia, publicou:

“Costa, indicado pelo PP, saiu por decisão da presidente Graça Foster. Seu afastamento pegou o partido de surpresa e provocou a ira da legenda, que está ‘em revolução’, segundo políticos ligados ao PP”.

No início da sessão, o deputado Carlos Sampaio, homem forte do PSDB, o saudou quase como um herói nacional.

Menos, não é?

Claro que Costa tem muita coisa de concreta – e real – a denunciar e aquilo que tiver provas de que realmente foi corrupção deve gerar a mais severa punição penal.

Mas santificar Costa e aceitar como verdadeiro tudo o que ele diz, inclusive este “nojo” por um esquema corrupto do qual ele se beneficiou pessoalmente com milhões e para o qual ele se aquadrilhou com um bandido condenado como Alberto Yussef e o qual continuou operando todo o tempo em que se disse “enojado” é algo que não pode ser o comportamento da mídia.

Se é, então estão na obrigação de noticiar que Costa falou na CPMI, com todas as letras, que nunca mencionou esquemas que o “enojavam” ao Presidente Lula ou a então ministra Dilma.

Mas isso, claro não é notícia, a não ser, daqui a pouco, nos blogs, se alguém tiver gravado e a gente puder mostrar.

Uma resposta to ““Ladrão de carreira” se diz “enojado” em 2009 e continua roubando até 2012?”

  1. pintobasto Says:

    Paulo Roberto Costa sempre teve fortes ligações com o PSDB! Depois de demitido e descoberto seu envolvimento em grandes manobras financeiras para ocultar grandes casos de corrupção, resolveu procurar seus “amigos” que lhe propuseram fazer a tal delação premiada. Na altura, eufórico com a ideia, espalhou que este ano não iria haver eleições presidenciais depois de suas declarações!
    Como o caso foi parar nas mãos do juiz Sérgio Moro, lá em Curitiba, não se adivinha e os delegados da PF que fazem ainda a investigação serem todos grandes simpatizantes do PSDB e do então candidato Aécio Neves, é outro dado muito esquisito que sugere grande armação contra a então candidata à Presidência!
    Mas o Paulo Roberto Costa não é o espertalhão que todos imaginam ser! Tudo o que declarar, tem que provar. Quando declara que encaminhou dinheiro para determinado político, terá que provar que o político recebeu esse dinheiro. E quais foram os políticos assim tão burrinhos que deixaram recibo das quantias recebidas para o Costa, um fulano denunciado logo por sua fisionomia de velhaco?
    E não contente, envolveu nomes importantes nas direções das empreiteiras, passando um atestado da própria burrice!
    Quanto PSDB lhe pagou para o Costa bancar toda esta encenação? Não deve ser quantia pequena, mas deve ser bem menor da que ele tem investida em bens em nome de familiares ou laranjas. O problema agora é como ele vai ter a delação premiada. As poderosas empreiteiras fazem questão de ver as provas! O Costa vai penar uns tempos na cadeia e creio que será muito aconselhável que lá fique um bom tempo. Será muito mais saudável!

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: