Petrobras 60 anos, com meta de dobrar produção

Petrobras12_GV

Em 1953, o presidente Getulio Vargas assina a Lei 2.004, criando a Petrobras.

Via Fatos & Dados

Em 3 de outubro, a Petrobras completou 60 anos de história. Em ritmo acelerado, ela tem como meta dobrar a atual produção de petróleo até 2020, chegando a 4,2 milhões de barris por dia (bpd). Só em 2013, nove plataformas, com capacidade de produção somada de 1 milhão de bpd, serão entregues. Estão contratadas 28 sondas de perfuração marítimas para águas ultra profundas. Esses equipamentos estão sendo, pela primeira vez, construídos no Brasil, e começam a ser entregues em 2015. Para transportar o petróleo até a costa, 49 navios de transporte foram encomendados, cinco deles já entregues.

Na área de Refino, também é planejado um grande salto. A produção de derivados, entre eles diesel, gasolina e querosene de aviação, subirá dos atuais 2,1 milhões de barris por dia para 3 milhões bpd em 2020. A Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco, e o Comperj (Complexo Petroquímico do Rio de Janeiro) serão os grandes responsáveis pelo aumento. O primeiro trem da Refinaria Abreu e Lima está previsto para entrar em operação em novembro de 2014 e o segundo em maio de 2015. Já o primeiro trem do Comperj começará a operar em agosto de 2016.

No segmento de fertilizantes, a Petrobras vai quase dobrar a atual capacidade de produção de ureia, atingindo 3,5 milhões de toneladas em 2020. Para isso, duas unidades de fertilizantes, uma no Mato Grosso do Sul e outra no Espírito Santo, estão sendo construídas. Em julho deste ano, essa capacidade – que era de 1,1 milhão de tonelada/ ano – chegou a 1,8 milhão tonelada/ano com a aquisição da Fábrica de Fertilizantes do Paraná.

Para conseguir dobrar de tamanho, foram desenvolvidas tecnologias de ponta. Seu Centro de Pesquisas (Cenpes), além das pesquisas em seus laboratórios, coordena 49 redes temáticas, com 88 universidades, um dos maiores modelos de colaboração entre empresas e academia no Brasil. Os temas de cada rede são relacionados às suas metas tecnológicas. Com a descoberta do pré-sal, a escala e a complexidade das demandas têm aumentado, estimulando várias empresas fornecedoras, incluindo multinacionais, a construir centros de pesquisa no Brasil, em locais próximos às nossas instalações ou de universidades parceiras.

Campanha com filmes

Para celebrar o 3 de outubro, a Petrobras lança a série “Origem da Inspiração”, com cinco filmes em linguagem cinematográfica, de dois minutos cada um. O primeiro filme tem como tema a história da companhia, a ser contada de trás para a frente: do pré-sal à campanha que ficou conhecida como “O Petróleo é Nosso”. O filme é assinado pelas diretoras Paula Trabulsi e Kátia Lund.

Os outros quatro episódios, também assinados por cineastas (Juliana Rojas, Anna Azevedo, Álvaro Furloni e Aly Muritiba), contarão histórias inspiradoras de superação, paixão e obstinação de brasileiros. Os filmes serão exibidos em mais de 400 salas de cinema, com público estimado em mais de 1 milhão de pessoas, e também poderão ser vistos no site petrobras.com.br/meinspira.

Além de televisão, cinema e internet, a campanha publicitária poderá ser conferida em jornais, revistas, rádios e estações de metrô.

Petrobras11_Badeira_Pre_Sal

Pré-sal: O fundo do mar é nosso.

Crescimento de produção e reservas

Ao ser criada, em 1953, a Petrobras recebeu o acervo do Conselho Nacional de Petróleo (CNP), então responsável pela condução das atividades do setor: 2.700 barris de produção de petróleo por dia em terras da Bahia, 170 milhões de barris de petróleo em reservas, além de uma refinaria operando e outra em construção. Atualmente, as reservas provadas no Brasil são de 15,7 bilhões de barris de óleo equivalente (petróleo e gás natural), além de descobertas que podem, no mínimo, dobrar esse volume nos próximos anos. A companhia tem 12 refinarias em operação no Brasil, duas em implantação e outras duas em fase de projeto.

A Exposição Petrobras em 60 Momentos, no site da Agência Petrobras, apresenta as imagens mais marcantes da empresa, desde a década de 1950 até os dias atuais, acompanhadas de textos que contam sua história.

Tags: , , ,

Uma resposta to “Petrobras 60 anos, com meta de dobrar produção”

  1. bene nadal Says:

    Esse é o Brasil iniciado por Getúlio, e que só agora com o PT está sento dado continuidade!!!

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: