Propinoduto tucano: O impacto das propinas nas eleições para governador em São Paulo

Andrea_Matarazzo05_Alckmin_Serra

Alckmin, Serra e Matarazzo: O escândalo do Metrô vai ser um assunto indigesto nas eleições de 2014.

Via Diário do Centro do Mundo

E então aparece um nome graúdo do PSDB no caso das propinas da Alstom: Andrea Matarazzo. A Polícia Federal indiciou Matarazzo, segundo a Folha.

Andrea Matarazzo, hoje vereador pelo PSDB de São Paulo, ocupou posições importantes sob a Presidência de FHC e nos governos de Serra e Alckmin. Ele nega, e seria de estranhar que admitisse. Agora finalmente a mamata parece que chegou ao fim, e também a impunidade abjeta que a marcou.

Depois de anos de corrupção milionária admitida pelos corruptores de multinacionais como Siemens e Alstom, e não investigada nem pela justiça e nem pela mídia brasileira, os fatos emergem, sob a pressão da opinião pública que encontrou na internet uma forma de se manifestar.

Andrea_Matarazzo04_Vejinha

Andrea Matarazzo em dias mais festivos.

O escândalo das propinas do Metrô é uma tragédia para a imagem do PSDB, da justiça e da mídia. Como, diante de tantas evidências fornecidas pelas próprias empresas, nada foi feito?

As primeiras denúncias fundamentadas são de 2008. Cinco anos depois, não fosse a própria Siemens admitir a formação de um cartel para ganhar licitações do Metrô, tudo estaria do mesmo jeito.

Serra chegou a dizer que as denúncias eram “coisa do PT”, e a imprensa se limitou a publicar isso em vez de fazer a lição de casa.

É horripilante que Robson Marinho – uma espécie de braço direito de Covas – esteja ainda hoje no Tribunal de Contas do Estado, pelo qual é pago (R$20 mil por mês) para, pausa para risada, fiscalizar contas.

Onde estava a defesa do interesse público pela mídia?

Há uma lógica estranha nas redações das grandes corporações: corrupção é nada se envolve os amigos e tudo se diz respeito aos outros.

Quanto o caso pode minar a candidatura de Alckmin a um novo mandato em 2014 está em aberto.

Mas os paulistas terão uma excelente chance de mostrar que querem uma forma nova de fazer política.

***

Leia também:

Propinoduto tucano: Os cofres paulista foram lesados em mais de R$425 milhões

Propinoduto em São Paulo: O esquema tucano de corrupção saiu dos trilhos

Após denúncias contra PSDB de São Paulo, site da IstoÉ sofre ataque

Mídia se cala: Tucanos envolvidos em corrupção? Bobagem…

Ranking dos partidos mais corruptos do Brasil

Por que Alckmin é tão blindado pela “grande mídia”?

O feito extraordinário de Alckmin

Conheça a biografia de Geraldo Alckmin

Alckmin torra R$87 milhões em propaganda inútil da Sabesp

Propinoduto tucano: Incêndio criminoso destruiu papéis do Metrô em São Paulo

Luciano Martins Costa: Um escândalo embaixo do tapete

Deputado critica demora do MP para agir contra corrupção no Metrô paulista

Apesar da blindagem da “grande mídia”, o caso da corrupção no Metrô paulista

Superfaturamento de cartel do trem em São Paulo e Brasília teria chegado a R$577 milhões

Adilson Primo, o personagem central para o esclarecimento do propinoduto tucano

Siemens diz que governo de São Paulo deu aval a cartel no Metrô

Propinoduto tucano: Novas provas do esquema estão chegando da Suíça

***

Tags: , , , , , , ,

2 Respostas to “Propinoduto tucano: O impacto das propinas nas eleições para governador em São Paulo”

  1. Nilson Says:

    “O escândalo das propinas do Metrô é uma tragédia para a imagem do PSDB, da justiça e da mídia. Como, diante de tantas evidências fornecidas pelas próprias empresas, nada foi feito?”
    Como?? Fácil saber, você responde, quanto essa mesma mídia corrupta suporta sem o PSDB no poder?

  2. anisioluiz2008 Says:

    Republicou isso em O LADO ESCURO DA LUA.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: