Por que Alckmin é tão blindado pela “grande mídia”?

Alckmin_IstoE01

Nas duas últimas semanas, a revista IstoÉ dedicou capas ao escândalo do metrô de São Paulo. Na primeira, obteve o depoimento de um ex-funcionário da Siemens, que revelou como era paga a propina nos governos tucanos. Na mais recente, revela o superfaturamento de R$425 milhões. Sabe quantos segundos esse assunto mereceu no Jornal Nacional? Ou quantas linhas ganhou em O Estado de S.Paulo ou mesmo na Folha, a primeira a revelar o caso Siemens? Zero. Por que será?

Via Brasil 247

Duas semanas atrás, no dia 14 de julho, a Folha de S.Paulo revelou ao País o chamado “caso Siemens”. De acordo com a reportagem, a empresa denunciou um cartel na venda de equipamentos ao Metrô, do qual ela própria fazia parte, e aceitou um acordo de delação premiada, para reduzir suas penalidades (clique qui).

Nos dias que se seguiram, a Folha, curiosamente, tirou seu time de campo e praticamente não voltou ao assunto.

No fim de semana passado, a revista IstoÉ, da Editora Três, dedicou sua primeira capa ao tema. A publicação obteve o depoimento de um ex-funcionário da Siemens, que revelou até o nome da empresa que recolhia a propina, chamada MGE, que dizia agir em nome dos governos tucanos (clique aqui).

A contrapartida da propina, naturalmente, era a possibilidade de vender os equipamentos a um preço mais alto. Neste fim de semana, a nova capa de IstoÉ sobre o tema aponta superfaturamentos de até R$425 milhões no Metrô de São Paulo – o suficiente para vários mensalões (clique aqui).

Dito isso, algumas questões intrigantes:

1. Por que a Folha não voltou ao assunto?

2. Por que jornais concorrentes, como Estado ou O Globo, não decidiram apurar o caso Siemens?

3. Por que o Jornal Nacional não dedicou nenhum mísero segundo ao tema?

Cada veículo de comunicação adota seus próprios critérios. Mas o fato é que Geraldo Alckmin, ao menos junto à chamada “grande imprensa”, conseguiu se blindar. Por que será?

***

Leia também:

Propinoduto tucano: Os cofres paulista foram lesados em mais de R$425 milhões

Propinoduto em São Paulo: O esquema tucano de corrupção saiu dos trilhos

Após denúncias contra PSDB de São Paulo, site da IstoÉ sofre ataque

Mídia se cala: Tucanos envolvidos em corrupção? Bobagem…

Ranking dos partidos mais corruptos do Brasil

***

Tags: , , , , , , , , , ,

2 Respostas to “Por que Alckmin é tão blindado pela “grande mídia”?”

  1. poetasilascorrealeite Says:

    Artigo/Opinião
    O Silêncio e o Caos de Um Governador Invisível em São Paulo Falido nas Políticas Públicas Sucateadas
    Precisamos de mais perdedores corajosos – Lúcia Guimarães
    Crise no Brasil 2015? Pois é… A safra agrícola é recordista, o setor automobilístico tem imensas filas de espera por produtos, os supermercados seguem aumentando lucros, a estimativa de ganhos da Ambev para 2015 é 14,5% maior do que o de 2014, os aeroportos estão lotados e as cidades turísticas têm atraído número colossal de visitantes. Bares e restaurantes seguem lotados. Apesar da crise, a venda de livros aumentou 7% no primeiro semestre. Apesar da crise, a China anunciou investimentos de mais de 60 bilhões no mercado brasileiro. Apesar da crise, cenário de investimentos no Brasil é promissor para 2015. Cinemas do país têm maior crescimento em 4 anos apesar da crise. Apesar da crise, organização da Flip soube driblar os contratempos: mesas estiveram sempre lotadas. Apesar da crise, produção de batatas atrai investimentos em Minas. Apesar da crise, vendas da Toyota crescem 3% no primeiro semestre. Apesar da crise, Riachuelo vai inaugurar mais 40 lojas em 2015. Apesar da crise, fabricantes de máquinas agrícolas estão otimistas para 2015. Apesar da crise, Rock in Rio conseguiu licenciar 643 produtos, recorde histórico. A Honda tem fila de espera por carros e paga hora-extra para produzir mais apesar da crise. 16º Exposerra: Apesar da crise, hotéis estão lotados. Apesar da crise, brasileiros pretendem fazer mais viagens internacionais. Apesar da crise, Piauí registra crescimento na abertura de empresas. Apesar da crise, estradas lotadas, restaurantes lotados, supermercados e shoppings lotados. Apesar da crise. A crise que nós vivemos no país é a de falta de caráter do jornalismo brasileiro? Como disse Wladimir Pulga: O Brasil de 2002 do golpista PSDB, tinha um pequeno PIB de US$1.3 tri, hoje no BRASIL do PT o PIB é de US$ 4.9 tri. O Brasil de 2002 tinha um divida com o FMI que nos deixava vassalos dos países desenvolvidos de US$ 45bi, hoje, a divida escravizante está totalmente paga. O Brasil tinha reservas internacionais (nos deixando inseguros e sem força perante as crises mundiais); nesse período os tucanos quebraram o Brasil 3 vezes, hoje o Brasil tem reservas internacionais de US$ 388 bi. No Brasil de 2002 do golpista PSDB nosso mercado exterior era de US$ 120bi. No Brasil de hoje é de US$ 488 bi.
    Agora, crise mesmo, datada, localizada, no microespaço, falando sério, é em Sampa, Samparaguai, o Estado Máfia. O estado mais rico do Brasil, o estado mais corrupto do Brasil. Impunidade por atacado, institucionalizada em todos os níveis. MP omisso? TCE conivente? Assembleia Legislativa de marionetes? Pois é. Blindados pela chamada grande mídia tendenciosa e parcial, os corruptos e incompetentes políticos paulistas do PSDB (20 anos impunes no poder), quando o bicho pega, nunca aparecem com seus podres poderes na chamada grande mídia. É como se toda a culpa fosse do… da… quem mesmo? Barack Obama? Da Dilma! Venha ser assaltado em SP. Crimes no DENARC, DETRAN, CDHU, Metro/Aslom, nas praças de pedágio, no Rodoanel; Educação pública falida, segurança pública administrada pelo PCC, Hospital das Clinicas falindo, USP quebrada, e, quem mesmo é o governador desse modelito neoliberal (privatarias, neoescravismo da terceirização, superfaturadas obras faraônicas do Metro mais caro do mundo) estado máfia? O nada e o ninguém. Governador invisível… Vamos canonizar o Geraldo Alckmin? Um governador que se diz médico, e o estado paulista campeão sulamericano da DENGUE… Já pensou? A qualidade de vida na Colômbia é melhor do que em SP. E o nosso político invisível que não cheira e nem fede, aqui foi eleito no primeiro turno… Gastou bilhões para despoluir o Rio Tietê, e o Rio Tietê está mais poluído do que nunca… E falta água em SP; problemas dos quais foram avisados 20 anos arás… E os impunes crimes de Pinheirinho, Carandiru, Febem, Cracolandia, Chacinas? E os reaças e analfas asnoias coxinhas-daslu na avenida paulista. Que moral têm, sem água, policiais assaltando caixas de banco, o microespaço falido, para falarem do macroespaço? Sim, corruptos e ladrões de cidades de SP, do estado todo, estão muito bem representados em Brasília. O próprio Aécio Neves, que perdeu em sua terra e estado, quando foi passetear em Minas, foi xingado de ladrão, e pulou fora… Aqui em SP, quantos corruptos impunes vc viu latindo na passeata? Se gritar pega ladrão, não fica um na manifestação? TV Cultura falindo. Em operações localizadas, a Policia Federal prendendo corruptos e ladrões aos montes no estado de SP, a maioria do PSDB. Isso vc não vai ver na Globo… Yeda Cruz (PSDB) processada no RS, Aécio Neves (PSDB) processado em MG, Beto Richa (PSDB) processado no PR, e em SP? Pois é, justiça seja feita, verdade seja dita, a justiça chapa branca de SP faz parte das máfias e quadrilhas atreladas ao governo que quebrou o estado, sucateou políticas públicas? Corruptos de SP são presos na França, Inglaterra, Suíça. A justiça do mundo inteiro é petralha? No estado de SP nada, corruptos abundam posudos, incólumes, livres, com garbo, toga, patente e bem cortados ternos caros. Isso quer dizer alguma coisa? Nessas horas do caos consumado em SP, temos um governador invisível. A culpa é das estrelas… Mário Covas, morto, elegeu um outro morto. Se estivesse vivo, teria vergonha, faria um mea culpa, sairia do partido, ou botaria o Pinóquio de Chuchu da OPUS Dei, no seu devido lugar, o DEM do DEMO? Só uma bela Força Tarefa da Policia Federal fazendo uma auditoria em SP, do governador invisível, para trazê-lo ao jugo da lei. Só uma CPI multipartidária para fazer literalmente uma lavagem na SABESP. Empresas de porte estão indo embora de SP. Professores do Piauí, o estado mais pobre do Brasil, ganham 30% a mais do que os professores do estado de SP. Funcionário público não vota no PSDB. Professor não vota no PSDB. Mas, corruptos do PSDB passam batidos pela mídia, na justiça, e o governador invisível desse jeito ainda vai, posando de santo, querer ser candidato a presidente… Alguns políticos e empresários de SP, se saírem do Brasil seriam presos pela INTERPOL… Aqui, no estado-máfia, nadica de nada… E se quiserem investigar o crime organizado em SP, desde os bandeirantes bandidos, passando pela canalha de 64, até a Era de FHC et caterva, eles ainda vão começar aquela ladainha de asnonauta coxinha-daslu: -Vão querer se separar do Brasil. Isso os confirmaria como um Paraguai bem no sudeste, um chamado Samparaguai do Norte, e FHC, o ególatra poliglota e pegador Pai da Fome, seria entronizado de Rei da Paulistaiada, com o impune genérico vampiro Serra de sinistro primeiro ministro das finanças, e Geraldo Alckmin de bisonho, bizarro e bizantino Papa Tropical, com o falso padreco Marcelo Rossi de Ministro das Águas Paradas…? Estado de São Paulo,Tucanistão da elite burguesa. Votou no PSDB, do secretário de Segurança Publica que era do PCC, tomou em vc.
    Fora Obama, Fora cérebro! Vá pra Somália!
    -0-
    Silas Corrêa Leite
    Silas Corrêa Leite é ciberpoeta e blogueiro premiado, livre pensador humanista, escritor premiado, membro da UBE-União Brasileira de Escritores, jornalista comunitário e cultural, pós-graduado em Literatura na Comunicação (ECA-USP), conselheiro diplomado em Direitos Humanos, autor entre outros de GOTO, A Lenda do Reino do Barqueiro Noturno do Rio Itararé, Romance, Editora Clube de Autores; autor de GUTE-GUTE, Barriga Experimental de Repertorio, Romance, Editora Autografia; autor de O Menino Que Queria Ser Super-Herói, Site Amazon. Prêmio Mapa Cultural Paulista/Secretaria de Estado de Cultura de SP (representando Itararé-SP). Prêmio Lygia Fagundes Telles, Prêmio Ignácio Loyola Brandão, Prêmio Paulo Leminski, Prêmio Biblioteca Mario de Andrade (Gestão Marilena Chauí), Prêmio Literal, Fundação Petrobrás, Curadoria Heloisa Buarque de Hollanda, Prêmio Instituto Piaget e Prêmio Ficções Simetria, ambos em Portugal, entre outros. Colabora em revistas, jornais, fanzines, suplementos de arte, cultura e educação, está em mais de 800 sites, até no exterior, na América Espanhola, Europa e África. Consta em mais de 100 antologias literárias de renome em verso e prosa, até internacionais e na FBN-Fundação Biblioteca Nacional, gestão Ivan Junqueira. Seu Estatuto de Poeta foi traduzido para o espanhol, inglês, francês e russo.
    E-mail: poesilas@terra.com.br – Blog: http://WWW.portas-lapsos.zip.net Texto da Série “O Brasil Pondo os Pingos nos Is do Brasil”

  2. BELMIRA GARCIA Says:

    ENQUANTO A GLOBO Estiver recebendo deles nunca vai Aparecer nada a Respeito.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: