A Globo e Joaquim Barbosa são um caso indefensável de conflito de interesses

Joaquim_Barbosa83_Marinho

JB com João Roberto Marinho num prêmio que o Globo lhe ofereceu.

Com seu filho empregado na Globo, JB fica moralmente impedido de julgar coisas relativas à Globo.

Paulo Nogueira, via Diário do Centro do Mundo

Devem imaginar que nós somos idiotas, a Globo e Joaquim Barbosa. Não há outra explicação. Como pode a Globo dar emprego ao filho de JB? E como JB pode deixar que isso ocorra?

Neste exato momento, a Globo enfrenta uma questão multimilionária na Receita Federal. Documentos vazados – demorou para que isso ocorresse – por alguém da Receita contaram uma história escabrosa.

Os documentos revelam, usemos a palavra certa, uma trapaça. Com o uso de um paraíso fiscal, a Globo fingiu que estava fazendo uma coisa quando comprava os direitos de transmissão da Copa de 2002. A Globo admitiu a multa que recebeu da Receita. E em nota alegou ter quitado a dívida.

Mas a fonte da Receita disse que não é verdade. E pelo blog O Cafezinho, que trouxe o escândalo, desafiou a Globo a mostrar o recibo.

Apenas para constar.

O dinheiro que a Globo não recolheu constrói escolas, hospitais, portos, aeroportos etc. etc. Mas, não pago, ele termina na conta dos acionistas. Foi, além do mais, usado um paraíso fiscal, coisa que está dando prisão na Europa hoje em dia.

Isto tudo posto, vamos supor que uma questão dessas termine no STF.

Qual a isenção de JB para julgar? É uma empresa amiga: emprega o filho dele.

Dá para julgar? E a sociedade, como fica?

Gosto de citar um dos maiores jornalistas da história, Joe Pulitzer. Às equipes que chefiei, citava exaustivamente uma frase que é vital para o exercício do bom jornalismo. “Jornalista não tem amigo”, escreveu Pulitzer.

O que Pulitzer dizia: “Se você tem amigos, você não vai tratá-los com a neutralidade devida como repórter ou editor.”

A Globo está cheia de amigos, e esta é uma das razões pelas quais seu jornalismo é tão viciado – e seus donos tão ricos. Mas as amizades de JB são ainda mais preocupantes, dado o cargo que ele ocupa.

A Justiça brasileira é um problema dramático. Recentemente, os brasileiros souberam das estreitas relações entre o ministro Fux, também do Supremo, e um dos maiores escritórios de advocacia do Rio. Sua filha, advogada, é empregada deste escritório. Como Fux pode julgar uma causa deste escritório?

Não pode. Há um claro conflito de interesses.

O mesmo vale para Joaquim Barbosa.

Quem acredita que ele não enxergou o conflito de interesses no emprego dado a seu filho na Globo acredita em tudo. É um caso tão indefensável que a Globo, inicialmente, negou a informação, obtida pela jornalista Keila Jimenez, da Folha. Procurada, a Globo, diz a Folha, negou a contratação. Disse que o filho de JB fora “apenas fazer uma visita ao Projac”. Só depois admitiu.

É uma história particularmente revoltante quando se lembra a severidade com que JB comandou o julgamento do “mensalão”. Ele fez pose de Catão com suas catilinárias anticorrupção e impressionou muitos brasileiros que podem ser catalogados na faixa dos inocentes úteis. Mas se fosse Catão não permitiria que seu filho trabalhasse na Globo. Não pagaria – como revelou o Diário – com dinheiro público a viagem de uma jornalista do Globo para uma viagem de completa irrelevância para a Costa Rica, apenas para obter cobertura positiva do jornal.

Não usaria, como se soube agora, recursos públicos para ver um jogo do Brasil num camarote de apresentadores – claro – da Globo [nota do Limpinho: “Coincidentemente”, o camarote que JB e seu filho assistiram ao jogo do Brasil e Inglaterra era de… Huck e Angélica.].

E provavelmente Catão também jamais gastasse o equivalente a R$90.000,00, em dinheiro do contribuinte, para uma reforma.

Joaquim Barbosa não tem autoridade moral para ocupar o cargo que ocupa: infelizmente os fatos são claros. Ele é um drama, uma calamidade nacional.

Sêneca dizia que era mais fácil começar uma coisa errada do que depois resolvê-la. A nomeação de JB por Lula – que procurava um juiz negro para o Supremo – foi um erro monumental. Resolvê-lo agora é uma enorme, uma trágica dificuldade.

***

Luciano_Huck15_Lobby

Com Joaquim Barbosa, Huck reforça vocação para o lobby

Via Brasil 247

É possível, e até provável, que o jovem Felipe Barbosa, filho do presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, tenha todas as qualificações para trabalhar na Rede Globo – mais precisamente no Caldeirão do Huck, para o qual foi contratado. Mas em se tratando de Luciano Huck, personagem que faz da aproximação com poderosos uma rotina, a coincidência é sintomática.

Amigo do governador Sérgio Cabral ao ex-presidente Fernando Henrique, o apresentador consegue, em seus momentos de empresário, obter prodígios como uma autorização para construir uma pousada de luxo em Fernando de Noronha, a única do tipo na paradisíaca ilha. Ou escapar de multas pesadas por crime ambiental em Angra dos Reis, onde construiu uma mansão em área de reserva natural.

O convívio com os políticos, que agora se amplia pela aproximação com o presidente do Supremo, valeu a Huck portas a abertas em ministérios e frequência garantida em reuniões estratégicas do poder. Ele foi cogitado pelo PSDB para concorrer ao governo do Rio, e, no PMDB de Cabral, pode assinar ficha no momento em que desejar.

Com o filho de Barbosa em seu time, Huck lança uma ponte para o juiz mais poderoso do País. Os três, Luciano, Joaquim Barbosa já até dividiram mesmo camarote, no jogo Brasil e Inglaterra, que inaugurou o novo Maracanã.

Sempre com múltiplos interesses, Huck já foi dono de boate – a Cabral, em São Paulo, onde ele se orgulhava, nas rodas da sociedade, que baiano não ia –, tem negócios na internet e é hoteleiro, além de administrar a própria imagem em dezenas de contratos publicitários. Mais político de todos os apresentadores da Globo, é também queridinho da mídia. Nos bastidores, ele frequenta ministérios e convive com poderosos, participando de conversas políticas com grande frequência.

Com mais esse ponto de entrada no mundo dos poderosos de vários setores da sociedade, Luciano Huck mostra que ele próprio está cada vez mais poderoso.

***

Leia também:

De licença médica, Joaquim Barbosa bebe com amigos e emperra o STF

Nádegas de ouro: Reforma dos banheiros de Joaquim Barbosa custará R$90 mil

Reinaldo Azevedo: “A arrogância de Joaquim Barbosa é espantosa!”

O ético Joaquim Barbosa, o herói da mídia, usou passagens do STF quando estava de licença

Joaquim Barbosa ataca instituições democráticas do Brasil

STF paga viagem de jornalista de “O Globo”

Bater em mulher é covardia: Quando Joaquim Barbosa não era herói da mídia

O herói da mídia Joaquim Barbosa voa para ver o jogo do Brasil com dinheiro público

Tags: , , , , , ,

2 Respostas to “A Globo e Joaquim Barbosa são um caso indefensável de conflito de interesses”

  1. carlos Says:

    SIMPLES NO JULGAMENTO ELE SE DECLARA IMPEDIDO…. ORAAAAAA SENSACIONALISMO BARATO…. NINGUEM FICOU FALANDO DO DIAS TOFFILI NO JULGAMENTO DO MENSALÃO.

  2. Benevenuto Nadal Says:

    Você brasileiro que já é um “inocente útil” de carteirinha, mas “bate o pé” que não é, que com certeza se informa pelo PIG, e que em algum momento de delírio, chegou a pensar em JB para presidente, ou em Huck para vice, você que em outros momentos de delírio chegou a pensar que o STF estava acima de outros poderes porque era probo, e que queria colocar políticos na cadeia(só não pensou que ele queria fazer isso porque esses políticos eram do PT), enquantos dezenas de outros com crimes muita maiores, sequer vão a julgamento, simplesmente porque são do; PSDB.; do DEM, etc…. Eu tenho uma péssima notícia pra você; LEIA INTEGRALMENTE ESSE ARTIGOS DO LIMPINHO E CHEIROSO!, e diga-me se você não fez papel de idiota, ou no mínimo de alienado?
    As notícias que estão vindo à tona sobre JB, Huck, Globo e seus interrelacionamento dão conta disso… Mas eu lhes recomendo; buscar informações em outras fontes, especialmente em fontes alternativas de revistas, jornais,(que não pertençam ao PIG), e especialmente na internet(blog’s progressistas), e no mínimo compare as informações… Sabe; para não fazer papel de trouxa!!! Grande abraço.

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: