Para os “colonistas” da “grande mídia”, o negócio é atacar para criar factoides

Noblat20.jpgMaria Luiza Quaresma Tonelli, via Facebook

Os colunistas do PIG não estão nem se preocupando mais em checar as datas para fazer suas manipulações. Ricardo Noblat (foto) diz: “Em entrevista à Folha de S.Paulo, Dirceu contou que ainda era o chefe da Casa Civil da Presidência da República quando foi procurado por Luiz Fux. Ele lhe pediu apoio para ser nomeado ministro do STF. Prometeu votar por sua absolvição.”

Vamos lá:

1. José Dirceu foi chefe da Casa Civil no primeiro mandato do governo Lula, de 1º de janeiro de 2003 até 16 de junho de 2005, quando pediu demissão do cargo de ministro por causa das denúncias de Roberto Jefferson sobre o “mensalão”.

2. No dia 30 de março de 2006, o procurador-geral da República, Antonio Fernando de Souza, denunciou ao Supremo Tribunal Federal (STF) 40 pessoas, entre políticos e empresários, participantes do esquema do “mensalão”.

Ora, se José Dirceu saiu da Casa Civil em 2005, quando ainda nem tinha sido denunciado pelo procurador da República e tampouco ainda era réu no STF, como poderia ter dito que “votaria” em Fux em troca de sua absolvição naquela época?

Fux, em sua romaria, procurou José Dirceu quando ele já era réu no processo da AP 470, no final do governo Lula (2010), pedindo apoio para ocupar a vaga de Eros Grau, tendo sido indicado por Dilma em fevereiro de 2011.

E ainda tem mais uma: José Dirceu nunca diria que iria “votar” em Fux. Ministros não são “votados”, são indicados por presidentes e sabatinados por senadores, que aprovam ou não a indicação.

Para forçar Luiz Fux a desmentir sobre José Dirceu, a mando da Globo, Noblat não tem medo de ser ridículo.

O texto de Noblat (clique aqui para saber mais) aparentemente quer dar crédito a José Dirceu, mas no fundo é uma provocação a Luiz Fux, para que ele desminta Dirceu. Quando essa turma vem com o caju a gente já está com a castanha assada.

Tags: , , , , , , , ,

Os comentários sem assinatura não serão publicados.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: